5 Dicas para Aproveitar o máximo as Mídias Socias

5 Dicas para Aproveitar o máximo as Mídias Socias - capa

Ok, vamos fazer um acordo:

Leia este post até o final, e prometo compartilhar dicas que você não levou em consideração ao escolher as mídias sociais corretas para sua empresa.

Tenho certeza que você é demais! Mas também tenho certeza de que você entende que é impossível ser incrível em todos.

Para tirar o máximo proveito das mídias sociais, você deve escolher o caminho certo para o seu negócio.

E aqui vêm vários dicas que ajudarão você a ter sucesso.

 

1.Considere o seu conteúdo

 

O conteúdo é rei. Sim, de novo. Vou falar isso em vários posts até todo mundo entender.

5 Dicas para Aproveitar o máximo as Mídias Socias - marketeing de conteúdo

E sim, isso traz para você pelo menos três crises de conteúdo a serem superadas, mas você ainda precisa disso para reconhecimento da marca, criação de confiança, comunicação com seus clientes, SEO, SMM etc.

  • O fato é que diferentes canais sociais falam línguas diferentes:
  • O LinkedIn fala a linguagem de negócios;
  • Facebook e Twitter falam a língua dos amigos;
  • Pinterest, Tumblr e Instagram falam a linguagem das imagens;
  • Vimeo e Youtube falam o idioma do vídeo, etc.

 

Linguagem de mídia social

 

Ao escolher canais sociais para sua empresa, crie conteúdo que fale o mesmo idioma com o público. Caso contrário, você vai desperdiçar seu tempo e seu dinheiro.

Além disso, um truque poderoso seria esquecer um determinado público. Entenda primeiro a diferença entre público alvo e persona neste artigo do Marketing de conteúdo. Mas de cara vou falar três erros ao esquecer de focar no seu público:

  • falha em cultivar relacionamentos;
  • trata as redes sociais apenas com canais de distribuição;
  • mata o engajamento.

“Luh, não estou entendo. O que você quer dizer com isso?”

Calma, vou explicar. Basta mudar a abordagem: não pense em criar um público, mas sim uma comunidade, pois a comunidade é o que traz engajamento.

A dica: use os truques certos para atrair membros de diferentes canais sociais. Para construir uma comunidade forte, você deve saber falar a mesma língua que eles.

 

2. Conheça o personagem de todos os canais sociais

 

Já falei sobre cada mídia social no meu Instagram e Facebook, mas vamos lá. Sobre como escrever para mídias sociais, descrevi o caráter das três redes sociais mais populares:

  • O Facebook é uma grande família de amigos do ensino médio e da faculdade.
  • O Twitter é uma festa em que todos falam tudo ao mesmo tempo e, se você ficar em silêncio por um tempo, você vai aparecer ao mar.
  • O Google+ é um clube de hobbies onde as pessoas compartilham sua paixão.

Outros canais não ficam muito atrás, rangendo os dentes também. Quando você escolhe um canal social para o seu negócio, você leva em consideração seu caráter para ver se ele se encaixa em seu conceito, auto apresentação, objetivos de marketing, estratégia e público-alvo.

 

5 Dicas para Aproveitar o máximo as Mídias Socias - conheça bem cada personagem

 

 3. Não ignore as estatísticas

 

Eu odeio números, mas eles são importantes quando se trata de negócios e análises.

Ignorar estatísticas e decidir gerenciar uma conta no Pinterest só porque “todo mundo faz isso” terá um preço.

Você sabe quantos usuários ativos o Pinterest tem?

Você conhece sua demografia? Tem certeza que seu cliente está lá?

Então você verifica as estatísticas do crescimento de todas as redes sociais?

Quantos anos tem a média dos usuários do Instagram? Eles são homens ou mulheres?

E a questão mais importante, seus clientes estão entre eles?

 

5 Dicas para Aproveitar o máximo as Mídias Socias - estatística

 

Preste atenção a todos esses fatores antes de escolher um canal, pois é sua chance de aumentar a taxa de conversão com as mídias sociais.

 

4. Siga seus clientes

 

Assim como todo profissional de marketing digital, você cria buyer personas, não é? Você conhece o sexo, a idade, o nível de renda, os hobbies etc. Certifique-se de usar essas informações ao escolher uma rede social adequada.

Se você não sabe Criar uma buyer persona, leia este artigo que fiz ano passado.

Por exemplo, se o seu cliente médio é um homem de 60 anos que adora pescar, dificilmente você vai precisar do Instagram.

Saiba quais redes sociais seus clientes adoram, siga seus passos e crie um relacionamento  com eles por lá.

 

5 Dicas para Aproveitar o máximo as Mídias Socias - dados demograficos

 

  1. Não venda

No mundo perfeito, as mídias sociais não são usadas para vender.

Surpresa surpresa!

Os profissionais de marketing usam os canais sociais para fazer conexões e informar ao mundo sobre seu produto ou serviço. Os usuários detestam anúncios em seus feeds e dificilmente comprarão seu produto se você o promover de maneira agressiva.

5 Dicas para Aproveitar o máximo as Mídias Socias - não venda

A DICA: promova em menos de 10% dos seus posts nas mídias sociais. Conteúdo educacional e de entretenimento seria uma estratégia de mídia social inteligente para o seu negócio.

Para fazer uma história curta …

Qual rede social é a certa para você escolher?

Facebook: sim, se você é um B2C que não tem medo da concorrência e quer alcançar um público amplo e de nicho. Mais de 70% dos adultos on-line usam o Facebook hoje e se seus clientes estão entre eles – bem-vindos.

Twitter: sim, se o seu público for jovem, homens e mulheres, pessoas versadas em tecnologia. Ou se você é um B2B procurando por conexões.

Google+: sim, se você é uma marca B2B forte que quer impactar seu SEO. E se o seu público alvo for profissional masculino.

LinkedIn: sim, se você é um provedor de serviços B2B interessado em ganhar marketing, networking e procura de emprego. Esta rede social é sobre negócios, não gatos e memes.

Pinterest: sim, se o seu público é mulher e você vende produtos para eles. Comida e moda dominam aqui. Então, se o seu conteúdo é grande visual – bem-vindo. 70% dos usuários do Pinterest estão no Pinterest para inspiração de compras.

Instagram: sim, se o seu público é millennials e se o seu conteúdo é visual.

YouTube: sim, se você é uma marca orientada visualmente que descreve produtos e serviços para seus clientes por meio de vídeos.

Você ainda está aqui? Ótimo!

Quais canais sociais você usa para o seu negócio? Quais fatores você leva em consideração ao decidir sobre estratégia?

Como alcançar os millennials com marketing de conteúdo

Como alcançar os millennials com marketing de conteúdo capa

Nascidos entre o início dos anos 80 e o início dos anos 2000, os millennials representam a maior geração viva no mundo. Segundo pesquisas, eles terão mais poder de compra do que qualquer outra geração até 2018. Você precisa usar o marketing de conteúdo para alcançar os millennials.

Embora sejam obviamente uma mina de ouro para empresas, a geração do milênio não é fácil de entender. Também não é fácil de comercializar. Por terem crescido em uma era de rápido avanço tecnológico, suas preferências e necessidades estão sempre evoluindo.

O marketing de conteúdo é a maneira ideal de alcançar a geração do milênio. Isso se deve ao fato de que eles têm uma tendência maior de pesquisar antes de fazer compras.

Se você puder alinhar sua estratégia de conteúdo com suas preocupações, interesses e comportamentos, poderá se conectar a eles em um nível mais profundo. Siga este guia para entender melhor a geração do milênio e ter um relacionamento mais eficiente com eles.

 

Millennials rejeitarão uma venda difícil

 

Como alcançar os millennials com marketing de conteúdo - rejeição do difícil

Os millennials são altamente céticos em relação ao conteúdo patrocinado, e eles o descartarão rapidamente se ele não atender às suas necessidades e preferências.

Também é improvável que eles compartilhem conteúdo se não virem uma razão realmente convincente para isso. Se você deseja engajar a geração do milênio, deve se concentrar na criação de conteúdo que seja:

  • Informativo ou educacional
  • Original
  • Pessoal
  • Breve
  • Divertido
  • Visual

A geração do milênio geralmente não gosta da venda difícil. Eles não só rejeitarão este tipo de Marketing. Eles divulgarão suas opiniões se acharem que você fez uma declaração falsa ou exagerada.

Em contrapartida, se eles gostam do seu conteúdo, podem se tornar excelentes embaixadores da sua marca.

 

Millennials fazem pesquisas substanciais antes de comprar

 

Quando os millennials estão interessados ​​em comprar certos produtos, eles fazem pesquisas comparativamente. São os reis da pesquisa. Ganham de qualquer outra geração.

Eles vão verificar as avaliações online e buscar as opiniões de seus familiares e amigos. Na verdade, eles consideram o conteúdo gerado pelo usuário uma fonte de informação mais confiável do que o conteúdo gerado pelo profissional de marketing. (fica a dica)

Para engajar a geração do milênio, você deve criar conteúdo que possa gerar discussões, em mídias sociais e postagens em blogs.

Como alcançar os millennials com marketing de conteúdo - pesquisa

Além disso, é importante saber que os millennials realizam a maioria de suas pesquisas em dispositivos móveis, portanto, você deve garantir que seu conteúdo seja otimizado para dispositivos móveis.

 

Millennials tem medo de perder

 

Uma das principais razões pelas quais os millennials são ativos nas redes sociais é o medo de perder (FOMO). Eles têm medo de perder as últimas notícias e eventos enquanto estão desconectados.

Embora os millennials de ambos os sexos estejam sujeitos ao FOMO, as mulheres têm uma necessidade maior do que os homens para verificar suas contas de mídia social com frequência.

Como alcançar os millennials com marketing de conteúdo - medo de perder

Para aproveitar os benefícios da geração do milênio, “FOMO”, use uma estratégia de escassez para fazê-los sentir que perderão algo valioso se não responderem ao seu conteúdo ou apelo à ação. Isso pode vir na forma de uma oferta de quantidade limitada ou limitada.

 

Millennials se preocupam com questões sociais

 

Em geral, os millennials preferem fazer negócios com empresas socialmente conscientes. Mas,  contudo porém, se o seu conteúdo promove uma boa causa ou chama a atenção para algo que ele se preocupe. Você será capaz de se conectar com eles de maneira mais significativa.

No entanto, tenha em mente que o marketing socialmente consciente envolve mais do que apenas discutir as causas que sua empresa suporta. Os millennials também querem saber sobre sua responsabilidade social, incluindo:

Seu histórico ambiental.

Visões políticas e sociais de seus executivos.

Tratamento de seus funcionários em termos de remuneração, direitos e condições de trabalho.

Millennials é uma geração diversificada

 

Como um todo, os millennials são tipicamente vistos como a geração de “selfie” que é auto envolvida, preocupada com aparências físicas e facilmente influenciada por tendências.

Como alcançar os millennials com marketing de conteúdo - geração diversificada

Na verdade, isso está longe da verdade. A geração do milênio varia de adolescentes a casais com filhos. É essencial que você saiba exatamente para quem está criando conteúdo.

Para melhores resultados, ofereça seu conteúdo a um subconjunto específico da geração do milênio em vez da geração como um todo.

Millennials são consumidores visuais

 

A geração do milênio geralmente prefere o conteúdo visual ao conteúdo somente texto. Eles são mais propensos a compartilhar conteúdo visual também, principalmente quando se trata de vídeos.

Eles também têm uma tendência maior a confiar em conteúdo visual do que outros tipos de conteúdo. No entanto, lembre-se de que as mesmas preferências e padrões se aplicam ao conteúdo visual e a outras formas de conteúdo. O conteúdo visual orientado para vendas não ganhará atenção

Millennials gostam de conteúdo atrativo

 

Infográficos interativos, questionários, pesquisas e enquetes são alguns exemplos de conteúdo interativo. Esses tipos de conteúdo exigem informações dos espectadores que, em seguida, fornecem feedback com base em suas respostas.

Os questionários são um dos tipos de conteúdo mais amplamente compartilhados no Facebook e em outras redes de mídia social. É comum que o conteúdo interativo se torne viral entre os millennials.

 

Millennials usam uma variedade de sites de mídia social

 

Se você está promovendo ativamente o seu conteúdo em apenas um ou dois canais de mídia social, você terá pouco sucesso envolvendo os millennials.

Os millennials agora estão menos ativos no Facebook e passam mais tempo no Instagram e no Tumblr. Além disso, eles se comunicam com seus familiares, amigos e até celebridades usando o Snapchat e outros aplicativos.

Para envolver efetivamente a geração do milênio, você deve manter-se atualizado sobre as últimas tendências em mídias sociais e construir uma forte presença nas redes de mídia social populares entre elas.

Millennials são consumidores de vários ambientes

 

Os millennials usam uma variedade dedispositivos para visualizar conteúdo, incluindo smartphones, tablets e laptops. Além de otimizar seu conteúdo para todos os dispositivos, você deve entender o comportamento de cada um.

Como alcançar os millennials com marketing de conteúdo - varios ambientes

Por exemplo, os millennials são mais propensos a usar dispositivos móveis para verificar suas contas de mídia social e dispositivos maiores para ler artigos.

 

Embora os millennials possam ser desafiadores para atingir e apresentar um nível mais alto de risco para empresas e profissionais de marketing, eles podem ser clientes extraordinariamente fiéis se você conquistá-los.

Se eles acharem o seu conteúdo atraente, eles tentarão torná-lo viral. É preciso mais tempo, esforço e estratégias para engajar a geração do milênio com o marketing de conteúdo, mas as enormes recompensas que você ganhará farão desse esforço valioso.

Manual para Escrever Boas Legendas no Instagram

Manual para Escrever Boas Legendas no Instagram - capa blog

Escrever boas legendas no Instagram pode não ser tão importante quanto suas fotos.

Você realmente acredita nisto? Sabemos que no Instagram, as imagens desempenham um papel fundamental, mas sem uma boa legenda, isso pode ir por água  abaixo.

Escrever boas legendas no Instagram é importante porque pode ser a chave para que seu post seja visto por mais pessoas.

Como vocês já sabem (ou deveriam saber), o novo algoritmo do Instagram tende a favorecer postagens com bom engajamento.

Quando uma postagem recebe várias curtidas, comentários e compartilhamentos, isso sinaliza para o Instagram que aquele conteúdo é de alta qualidade. Também indica que outros usuários podem querer ver aquilo.

Ou seja, mais engajamento te faz mais interessante para um público maior.

Manual para Escrever Boas Legendas no Instagram- engajamento
Então o algoritmo vai aumentar a postagem nos feeds das pessoas. E se conseguir engajamento suficiente, pode até acabar na Página de pesquisa!

Escrever boas legendas do Instagram com chamadas à ação(CTAs),  é uma das melhores maneiras de inspirar seus seguidores a comentar suas postagens.  Isso faz com que seu engajamento aumente ainda mais.

Então, em outras palavras, criar conteúdo bonito para o seu feed é muito importante. Mas se você quiser aumentar o engajamento nas suas postagens, você precisa de boas legendas.

Assim, além de aumentar o envolvimento, você também pode alcançar novos seguidores.

Escrever boas legendas no Instagram é uma forma persuasiva de fazer com que as pessoas interajam mais com você.

Como escrever uma boa legenda no Instagram

Então, o que seriam boas legendas no Instagram?

Bem,  resumidamente, boas legendas  no instagram são aqueles que têm contexto. Elas acrescentam personalidade e inspiram seus seguidores a agir.

As boas legendas aparecem de várias formas e tamanhos. Desde curtas e sutis, até histórias mais detalhadas (as legendas do Instagram podem ter até 2200 caracteres).

Geralmente, a regra de ouro é: se seu público acha interessante, você está indo bem!

Esta é a melhor maneira de pensar sobre este assunto. Seja qual for o seu objetivo, você precisa abordar suas legendas pensando sempre em  agregar valor.

Então se pergunte:

  1. Como você está agregando valor ao seu público?
  2. Como você está agregando valor à sua postagem?
  3. Como você está agregando valor à sua marca?

 

Manual para Escrever Boas Legendas no Instagram

Parece difícil… Bom, não tem que ser!

 

Um dos maiores erros, é fazer a legenda em tempo real. Ok, sabemos que em alguns momentos, isto tem que ser feito. Mas, de maneira geral, pensando estrategicamente, definitivamente não é o ideal.

Então, o que é ideal? Agendar suas postagens com antecedência. Reserve um tempo para escrever (e reescrever!) suas legendas. Faça quando você estiver com disposição criativa (leia-se inspirado).

Criar algo em tempo real, pode ser muito difícil.  Tenha uma estratégia. Por isso é necessário tempo para pensar no que escrever. Qual público você quer alcançar? Qual seu objetivo? Dentre outras coisinhas que vamos falar por aqui.

Aqui estão mais algumas dicas para escrever boas legendas do Instagram:

Criando um CTA em sua legenda do Instagram

O simples ato de incluir um CTA em sua legenda, ou seja,  convidar seus seguidores para comentar ou participar pode  deixar sua legenda muito. Isso não é bom quando se trata de aumentar o engajamento.

É claro que você não precisa incluir um CTA em TODAS as legendas. Mas um bom CTA é uma ótima maneira de inspirar seus seguidores a se envolverem com seu negócio, tanto dentro como fora do Instagram.

Por exemplo, você pode pedir a seus seguidores  que cliquem  no link da sua bio, comprem um produto, respondam a uma pergunta, marquem um amigo, use sua hashtag e  muito mais! Tudo isso são CTAs, chamadas à ação.

Tenha algo em mente: CTA que usa palavras que geram ação são mais eficazes do que substantivos passivos e adjetivos.

Você também deve considerar transformar seu CTA em uma pergunta, usando a técnica jornalística das 5 perguntas (quem, o que, onde, quando e por que). Use como uma forma de incentivar seus seguidores a comentarem.

Além disso, não deixe seu CTA para o fim da legenda! Escreva primeiro as frases importantes. Por quê? Porque é fato que, depois de três a quatro linhas de texto, as legendas do Instagram são truncadas (encurtadas).

Sabemos que estamos sendo engolidos por conteúdos em todos os lugares.  Fazer com que a primeira parte da sua legenda seja  a parte envolvente,  é uma técnica que ajuda a aumentar o engajamento.

É assim que se aumenta o tempo que as pessoas visualizam a sua postagem – o que também pode ser um fator Algoritmo Instagram leva em consideração!

Por exemplo, se você quiser chamar a atenção para uma nova postagem no blog, adicione “nova postagem no blog” ou o título da postagem no início da legenda. Isso faz com que seus seguidores saibam que você tem uma nova postagem, mesmo que eles não leiam a legenda inteira.

Mais algumas maneiras de usar CTA em sua legenda

 

Para criar uma CTA na sua legenda do Instagram, você só precisa pedir a seus seguidores que façam algo depois de ler a legenda!

Você pode fazer uma pergunta simples, como o que eles estão fazendo neste fim de semana ou o que pensam de um novo produto.

Se você estiver promovendo um sorteio no Instagram, peça a seus seguidores que marque um amigo. É uma ótima maneira de aumentar o envolvimento.

Ao fazer com que os usuários marquem seus amigos nos comentários, você pode chamar mais atenção para o sorteio. Além de aumentar o reconhecimento de sua marca. Isso faz também com que mais pessoas vejam sua conta no Instagram e participem da sua ação.

Use emojis em sua chamada à ação.

Emojis são uma ótima maneira de chamar a atenção e fazer com que seus seguidores percebam o apelo à ação em suas postagens.

Você pode usar um emoji “” ou “” ao lado de “link na biografia”, deixando claro você deseja que eles cliquem no link da sua biografia!

Quando você não estiver usando emoticons para chamar atenção para seu CTA, use emoticons para adicionar personalidade à sua legenda do Instagram.

A Zás é uma loja de BH que tem um trabalho bacanudo nas mídias sociais.

Você pode inserir vários emojis no início de sua legenda para chamar a atenção de seus seguidores. Um pouco de cor pode fazer com que eles cliquem para ler mais. Ou você também pode substituir palavras inteiras por um emoji.

Mesmo que você adicione um emoticon só ao final de sua legenda, isso a  tornará mais convidativa para seus seguidores – e por que não? Todo mundo adora um bom emoji!

Usando uma voz de marca consistente em sua legenda do Instagram

Além das dicas óbvias sobre como usar a gramática e a ortografia adequadas, uma das partes mais importantes de qualquer boa legenda no Instagram é a voz da marca.

E, por fim, a consistência de suas postagens. Suas legendas no Instagram devem soar e se parecer com o resto de seus canais de marketing.

Se você está começando com o Instagram e quer desenvolver uma nova voz de marca, um dos seus melhores recursos são outras contas do Instagram!

Compile uma lista de suas contas favoritas (e outras contas do seu nicho) e veja se alguma marca tem uma voz se destaca para você.

Depois de encontrar algumas vozes que você gosta, combine-as para criar a voz da sua marca. Mas não se esqueça, a voz da marca tem que identificar com seu público. Agora é praticar a consistência!

Adicionando Menções à sua Legenda do Instagram

Mencionar outros usuários do Instagram é uma maneira fácil de criar um vínculo com outros seguidores. É criar uma comunidade e compartilhar o amor #instalove!

As menções são uma ótima maneira de se conectar com outros usuários e criar uma troca de promoção das contas.

Flávia Marques, do Manteiga Derretida, blogueira de BH usando as menções como deve ser. Aprendam crianças!

Sempre que você estiver postando uma imagem com outra pessoa ou marca, adicione o “@” à legenda também. Além de marcá-la na foto, é claro. Então seus seguidores podem descobrir seus perfis também!

Divulgando seus publiposts

Com a recente onda de influenciadores no Instagram, é mais importante do que nunca ser transparente sobre quando você está sendo pago para promover um negócio ou produto.

Lu Ferreira do Blog Chata de Galocha, também de Belo Horizonte

É importante incluir “#ad” ou “#publipost” em todas as postagens realmente patrocinadas, e você deve fazê-lo antes que a legenda seja encurtada. Portanto, é quase o começo.

Como usar hashtags na sua legenda do Instagram

E lá vou eu, mais uma vez (e não será a última),  falar das hashtags. Tão importantes e tão mal utilizadas.

As hashtags não apenas ajudam você a conquistar mais seguidores no Instagram, mas também são uma ótima maneira de se conectar com os clientes.

Além disso, você também consegue encontrar conteúdo criado por seus seguidores e criar relacionamento de longo prazo com parceiros influentes.

Ao adicionar hashtags à sua conta do Instagram, não se limite a colocá-las apenas no final!

Também temos estratégias pra isso? Claro que temos! E temos que ter.

A integração de hashtags em toda a postagem aumenta dimensão da legenda. E, elas aparecem com cor deferente (ficam azuis), se forem usadas de maneira correta, também podem destacar e contextualizar seu conteúdo.

 Como as hashtags funcionam no Instagram

Cada postagem que você cria pode ser acompanhada por uma legenda e algumas hashtags.

As hashtags ajudam a organizar e categorizar seu conteúdo (foto e vídeo). Isso  ajuda no processo de descoberta e otimização de conteúdo.

Por exemplo, um blogueiro de culinária pode postar uma foto de uma tigela de smoothie e usar as hashtags #comidasaudavel, #sucodetox e #sucovegano.

Como ser estratégico com suas hashtags

 

Para ter sucesso com hashtags, é importante ter uma estratégia.

As hashtags “mais populares” do Instagram são apenas palavras simples. E, embora a marcação de #amor, #gratidao e #maedecachorro possa te dar mais alguns likes, isso não contribuirá muito para o seu crescimento a longo prazo.

No lugar das hashtags mais populares, use as principais hashtags do seu nicho. Pessoas, seguidores, futuros parceiros e clientes te encontrarão através delas. Seja específico.

Então, como encontrar essas hashtags legais, criativas e voltadas para seu nicho? A melhor maneira é analisar e ver quais hashtags seu público, concorrentes e influenciadores estão usando.

Quanto mais restrito for o escopo da hashtag, mais engajados estarão os usuários. Você ficará chocado  com o quanto as hashtags específicas podem aumentar seu engajamento!

 Usando hashtags de marca em sua legenda do Instagram

Criar/usar hashtag da sua marca é uma ótima maneira de iniciar uma conversa com seus seguidores e aumentar o alcance do seu conteúdo.

A hashtag da marca é uma maneira de seus “fãs” compartilharem com seus seguidores e inspirar conteúdo gerado pelo usuário (UGC). Isso pode significar um grande crescimento de seus seguidores e engajamento geral no Instagram.

Youcom loja moderna com um excelente trabalho de Marketing Digital.

Mantenha sua Legenda Limpa

Adicionar hashtags à sua legenda é uma ótima maneira de melhorá-la. Não há duvida quanto a isso. Mas tenha cuidado com a quantidade!

Muitas hashtags (mais de 4 a 5) podem fazer com que sua legenda pareça mais com spam. Isso pode desviar atenção do restante de sua legenda.

Mas, se você quer usar mais do que isso, eu tenho a solução perfeita. Use as principais na legenda e as demais no primeiro comentário da sua foto.

A reivindicação do primeiro comentário mantém sua legenda clara e concisa. Além disso, vai ajudar seus seguidores a se concentrarem nas palavras da sua mensagem. Não nas hastags.

Como esconder suas hashtags no primeiro comentário:

Depois de postar sua foto, adicione um comentário.

Adicione o símbolo de ponto, traço ou asterisco em uma linha separada.

Adicione suas hashtags (o Instagram permite até 30 hashtags por postagem).

Agora, quando o seu comentário aparecer no tópico, será parecido com […] e suas hashtags não estarão visíveis para o seu público.

 Enfim…

Criar boas legendas no Instagram pode parecer difícil, mas se você quiser ter sucesso nessa rede, é importante não deixar suas legendas de lado.

Não importa se você é uma marca, pequeno negócio ou  blogueiro. Escrever boas legendas no Instagram pode ser um divisor de águas para o seu engajamento!

Espero ter ajudardo. SE você gostou deste super manual, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.

 

5 Práticas de Marketing Digital para 2018

5 Práticas de Marketing Digital para 2018
Quais são suas práticas de Marketing digital? O marketing de conteúdo digital está atingindo a maturidade. As empresas têm uma necessidade imprescindível de garantir que suas estratégias e campanhas de marketing de conteúdo acompanhem os tempos.
Mais importante, é necessário lembrar que um ótimo conteúdo é ótimo conteúdo. O tipo de tecnologia que você tem implementado ou os sistemas que você implementa, não importa se seu conteúdo não está repercutindo em suas buyer personas.
O marketing digital está avançando e evoluindo, da mesma forma que a publicação tradicional evoluiu décadas atrás. O marketing de conteúdo seguirá a mesma trajetória. A única diferença significativa é a velocidade com que as coisas vão mudar. Muitas marcas digitais, em uma tentativa de serem mais eficientes, esquecem de ser humanas.
Se você escreve em tábuas de pedra ou está usando realidade aumentada para passar sua mensagem, não importa. O que realmente importa é que você seja relevante e interessante o suficiente para motivar uma reação desejada do cliente.
Do ponto de vista da marca, gerar e distribuir conteúdo atraente por meio das mídias sociais não é apenas importante, mas necessário. A chave para criar um futuro brilhante para o marketing de conteúdo nas mídias sociais é usar abordagens modernas que abranjam o ser humano.
Abaixo listei cinco importantes práticas de marketing digital que você precisa conhecer este ano.

1. Aumento no investimento em talentos

Do jeito que está agora, do ponto de vista do engajamento do consumidor e da conscientização da marca, muitas empresas perceberam que ter presença digital é crucial.
Por esse motivo, você notará um investimento de recursos tangíveis em estratégias sociais. Há uma ênfase contínua em encontrar e contratar pessoas que possam criar fluxos consistentes de conteúdo de qualidade para plataformas sociais.
5 Práticas de Marketing Digital para 2018 - invista em talentos
Fonte da imagem: Chronus
Automatizar e promover conteúdo semelhante em todas as plataformas sociais não vai mais ser útil. Em 2018, é necessário ter pessoas a seu lado que saibam como aumentar o público para suas marcas em plataformas sociais.  Também é necessário que saibam como criar conteúdo atraente para manter esse público colado em todos os canais.
Para fazer isso, é necessário que a pessoa responsável pelo seu Marketing Digital seja altamente organizada, conhecedora de tecnologia e tenham habilidades de comunicação. Não basta usar jargões da área.
No ecossistema digital, um editor-chefe na publicação de ontem pode se tornar um estrategista de conteúdo hoje. Você ainda precisa de pessoas para criar sua imagem e história da marca.
Automação por si só não é o caminho a percorrer em 2018. Você precisa ser humano.

2. Mais conteúdo direcionados para mobile

A ComScore relata que o celular agora representa cerca de 7 de 10 minutos de mídia digital. Só os aplicativos para smartphone são responsáveis por metade do tempo gasto em envolvimento com mídia digital.
5 Práticas de Marketing Digital para 2018 - conteúdo para mobile
Fonte da imagem: Infographic List
De acordo com o relatório de 2017 da ComScore, o Facebook é o principal aplicativo móvel do ano (medido pelo público que usa aplicativos móveis dos EUA). O Instagram seguem entre os 10 primeiros. Isso obviamente implica que os consumidores estão gastando bastante tempo usando as mídias sociais através de seus dispositivos móveis.
Assim, espero que você dedique e gaste mais recursos na criação de conteúdo para mobile, especificamente. O conteúdo direcionado para dispositivos móveis precisa ser simples e fácil de navegar. Tem que haver poucos cliques para haver o engajamento.

3. Aumento na produção de formas mais ricas de conteúdo (Mais vídeos e enquetes)

Aqueles que trabalharam no espaço do marketing digital sabem que um conteúdo mais rico gera mais engajamento.
Mas o que exatamente é o significado de “conteúdo rico”?
A resposta para essa pergunta depende muito de quem você pergunta. No entanto, a maioria das pessoas concorda que se refere a qualquer tipo de conteúdo que possa facilitar e melhorar a interação do usuário.
5 Práticas de Marketing Digital para 2018 - conteúdo rico
Fonte da imagem: Infographic World
Um exemplo: os vídeos geralmente são considerados ricos porque exigem que o espectador clique em “reproduzir” (a menos que você use anúncios de reprodução automática, o que eu não recomendo, a menos que seu objetivo seja incomodar seus clientes e desativá-los).
Seu conteúdo tem que gerar uma situação ganha-ganha. Ao fazer isso, você está distribuindo conteúdo que incentiva os usuários a interagir enquanto coletam percepções do consumidor simultaneamente.

4. Marcas aproveitando o conteúdo gerado pelo usuário

Em publicidade, o Global Trust Report da Nielsen sugere que 66% das pessoas confiam em comentários de consumidores postados on-line, enquanto 83% dos consumidores confiam nas opiniões e recomendações de produtos de pessoas que eles já conhecem.
5 Práticas de Marketing Digital para 2018 - conteúdo gerado pelo usuário
Fonte da imagem: Nicho
Esses números são substancialmente mais altos do que os 46% de consumidores que confiam em anúncios nas redes sociais. Agora, já que sabemos que os consumidores confiam nas opiniões uns dos outros, em vez de celebridades e influenciadores sociais. Não é surpresa que estamos vendo marcas direcionadas a conteúdos gerados por usuários com mais força em sua estratégia social.
Repostar ou reenviar ou ainda, compartilhar uma foto de um cliente feliz não será o suficiente. As marcas precisam gastar tempo ajustando o conteúdo gerado pelo usuário e incorporando-o em campanhas sociais de modo que pareça orgânico, mas profissional.

5. Os profissionais de marketing dobram o conteúdo temporário

No passado, os profissionais de marketing eram conhecidos por produzir conteúdo evergreen,ou seja,  que pode ser reaproveitado. E também que tenha valor por um bom tempo. Isso impulsionaria o engajamento por meses a fio. Mas tudo isso mudou, especialmente no mundo da mídia social.
O Snapchat foi pioneiro na ideia e inspirou o uso popular de conteúdo temporário. Seu sucesso comprovou que os consumidores adoram se envolver com esse tipo de conteúdo, porque sabem que ele é executado em um relógio e não ficará disponível para sempre. “Ephemerals” têm um sabor inerentemente exclusivo para eles.
Dada a enorme quantidade de envolvimento do Snapchat Stories, não é surpresa que o Facebook e o Instagram tenham seguido rapidamente a tendência e lançado recursos que suportam histórias em suas próprias redes. Devido a essa descoberta, as marcas continuarão desenvolvendo maneiras de criar histórias interessantes em todas as três plataformas. Isso é para gerar ondas consistentes de conteúdo efêmero que manterão os consumidores viciados e voltando para mais.

Enfim…

A mídia social apresenta oportunidades aventureiras que nos permitem usar conteúdo de ponta para construir relacionamentos tangíveis com nossos clientes. Estou realmente ansiosa para ver como as coisas irão evoluir nos próximos anos.
Se você tem presença digital e não está tendo resultado, entra em contato comigo e juntos vamos achar uma solução.
Tudo de acordo com sua necessidade e seu nicho.

5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão

5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão
Como usar o marketing digital para aumentar suas taxas de conversão?
A mídia social é uma das ferramentas de geração de leads mais poderosas disponíveis atualmente. O problema é que o tempo e o trabalho nas mídias sociais nem sempre se traduzem em leads reais.
Mas, é fato que, o marketing de conteúdo custa 62% menos do que o marketing tradicional. E gera três vezes mais leads, aumentando assim as taxas conversão.
Está na hora de transformar todo seu trabalho em resultados.
Se você estiver usando sempre as mesmas estratégias e estiver frustrado com o fato de seu conteúdo de mídia social não estar convertendo…. Então leia este artigo até ofim!

5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão

1. Você não diferencia sua marca pessoal

Se você não sabe o que diferencia sua marca da concorrência, como espera que seu público entenda?
A mídia social é uma forma te dá a oportunidade de expressar de forma única. Então, antes de começar a ler esse artigo, pense sobre isso assim.
Seja você um empreendedor, um pequeno empresário ou um gerente de marketing, você é um reflexo do negócio.
E em um mundo online e abarrotado de informações, posicionar sua marca pessoal como especialista só vai ajudar. Não se preocupe, isso não vai prejudicar a visibilidade da empresa.
Você precisa representar a você e também a marca, estendendo a confiança de um para o outro.
Fazendo isso e criando conteúdo que atinja seu público, tudo ficará mais fácil.
Você não vai mais dar tiro no escuro, seu público vai dizer a você o que quer. Como você vai conseguir aumentar sua taxas de conversão, se você não tem um objetivo?
Mais do que isso, eles se conectam com você de uma maneira pessoal.

  2. Seu conteúdo não atende a pergunta “O que posso fazer por você?”

Os consumidores não têm tempo para analisar seu conteúdo por horas ou mesmo minutos.
Eles estão se movendo em um ritmo acelerado. E têm apenas alguns segundos para pesquisar, interagir e decidir com qual empresa eles se conectarão.
5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão - Neil Patel
Fonte: Neil Patel
É por isso que é fundamental encontrar uma maneira de capturar a atenção deles logo de cara. Para fazer isso de forma eficaz, você precisa responder a pergunta: O que eu posso fazer por você?
Primeiro, tenha claro qual problema você está resolvendo e como vai crirar um resultado positivo para seu público.
Em seguida, certifique-se de incorporar sua resposta em todos os conteúdos, incluindo suas conversas online.
E, finalmente, garanta que todas as suas postagens e interações diárias sejam simples, com um claro apelo à ação.
Não deixe seu cliente em potencial adivinhando o que sua empresa oferece.
Lembre-se, as taxas de conversão, dependem do que você oferece a seus leads.

  3. Você não tem criatividade

Se o seu conteúdo de mídia social é chato e sem vida, seu tráfego, leads e vendas vão sofrer.
Seja criativo e faça todo o conteúdo gritar por VOCÊ!
 5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão - criatividade
Quando você adiciona criatividade e originalidade, você ganha insights para seu público em:
  • Quem é você
  • Como você ajuda
  • Por que você faz o que faz
As pessoas não querem fazer negócios com um estranho, especialmente um que seja desagradável e chato.
Eles querem se conectar com pessoas que conhecem, gostam e confiam.
Crie conteúdo que seja atraente de maneira criativa e fale a linguagem do seu público.
A criatividade ajudará a adicionar um novo nível de personalidade e a tornar seu conteúdo exclusivo!

  4. Seu conteúdo não educa

O objetivo das mídias sociais nunca deve ser simplesmente enviar spam ao seu feed com conteúdo promocional.
Fale sobre as coisas que mais importam para o seu público, criando intrigas e conscientização através de conversas.
Não sabe o que falar?
Pergunte a si mesmo: existe uma pergunta que seus clientes perguntam repetidamente? Encontre uma maneira de responder.
Você pode transformar isso em um novo artigo do blog, uma dica rápida, um podcast ou um breve tutorial em vídeo.
E com isso, você vai conseguir o que? Aumentar suas taxas de conversão!  😉

  5. Você está muito lento para responder ou acompanhar

Não perca oportunidades! Portanto, responda rápido!
Pense nisso: seu cliente em potencial reservou um tempo para entrar em contato com você, com um problema ou pergunta.
Sendo assim, se você não responder de maneira oportuna, ele não se achará especial. Não se esqueça, marketing digital e mídias sociais, são sobre relacionamento.
Coloque em prática um plano para abordar rapidamente suas dúvidas e um sistema para acompanhamento após o contato inicial.
E lembre-se … nunca deixe uma pista sair do seu radar. Ao fazer isso, você está deixando a decisão de um cliente em potencial ao léu.
Em vez disso, alimente os detalhes adicionais do seu lead e incentive-os a seguir em frente com você. Seu acompanhamento pode vir na forma de um telefonema, tweet, e-mail, reunião presencial ou qualquer meio de comunicação apropriado.
Mas sempre, sempre, sempre – acompanhe seu cliente.

 Enfim….

O conteúdo é uma ótima maneira de comunicar,  transmitir seus pensamentos e ideias. Mas nem todo conteúdo é criado da mesma maneira.
Crie conteúdo para seu público e sua jornada em mente. Portanto, você tem que analisar:
O que é preciso para criar consciência, nutrir essas relações e ativá-las?
O que eles precisam saber para tomar uma decisão educada?
Concentre-se na criação de conteúdo que atinja cada aspecto do funil de marketing. Sendo assim, inspire-os, incentive-os, envolva-os.
Dê a eles todos os motivos (e depois mais alguns) para dar o próximo passo com o seu negócio. Dessa forma, você criará um bom relacionamento com seu público.

10 passos para criar uma estratégia de mídia social matadora

Você tem um estratégia de mídia social?

As mídias sociais mudaram a forma como as empresas se comercializam seus produtos. Até porque, hoje em dia que não tem presença nas redes está perdendo território.

A forma como interagir, responder e atender o cliente mudou. Claro, que você não vai ficar para trás.

Se você tem negócio, seja grande ou pequeno, as redes sociais são a sua conexão online com clientes e potenciais clientes.

É uma oportunidade para transformar seus fãs, seguidores, leitores e assinantes em fãs. E se você trabalhar direitinho, também ganhará influenciadores e defensores da marca.

A mídia social oferece visibilidade.

O poder das mídias sociais é grande e não basta ter presença nas mídias sociais. Você precisa implementar estratégias e processos que suportem escalabilidade, eficiência e engajamento social bem sucedido.

Não sabe por onde começar? Vamos lá! Você precisa de uma estratégia de mídia social matadora.

1.     Conheça seu mercado-alvo

O uso de mídia social varia de um demográfico para o próximo. Aproveite o tempo para pesquisar  e entender exatamente como, quando e por que seu público-alvo está usando mídias sociais.

Também é parte vital da estratégia de mídia social identificar a plataforma de mídia social que seu público estar. Isto faz sua estratégia ser focada e direta.

  2. Tire o tempo para criar seu conteúdo

Antes de mergulhar e criar conteúdo on-line, considere cuidadosamente a mensagem e o objetivo de cada publicação.

10 passos para criar uma estratégia de mídia social matadora

Seja uma publicação no Facebook ou artigo de blog, todas as palavras que você escreve devem estar ligadas a seu objetivo final.

Se tem dúvida em criação de conteúdo, leia o artigo COMO FAZER UM BOM MARKETING DE CONTEÚDO.

O objetivo da sua estratégia de mídia social é direcionar o tráfego para o seu produto mais recente? Talvez você tenha um serviço que você queira destacar este mês. Independente do objetivo, não perca de vista o resultado final.

Dica: um calendário de conteúdo é a chave para uma estratégia consistente!

  3. Criar uma estratégia de plataforma cruzada

As empresas mais bem sucedidas que utilizam as mídias sociais estão ampliando sua influência em várias plataformas.

Além de estar no Facebook e Twitter estão enriquecendo sua marca com Instagram, Pinterest, Google+ Tumblr, blogs e LinkedIn.

Isto não quer dizer que você tem que estar em todas as plataformas. Onde seu publico está? É pra lá que você tem que ir.

  4. Mantenha seu Branding consistente

Ao configurar contas em diferentes redes de redes sociais, certifique-se de que seu logotipo, esquema de cores, fontes e gráficos sejam consistentes.

10 passos para criar uma estratégia de mídia social matadora - Gizani Branding

Você quer garantir que não importa onde as pessoas se conectem com você, sua marca ficará facilmente identificável.

Quer um exemplo? Deem uma olhada no facebook e instagram do Banco Itaú.

  5. Misture

Não fique apenas no formato de “imagem com legenda”.

As melhores estratégias de mídia social misturam táticas quando se trata de publicação, quer o conteúdo seja apenas um link, imagem ou texto.

Tente mudar as coisas e incorporar Infográficos, citações de sua última postagem ou respostas para perguntas. O objetivo aqui é gerar conteúdo com o qual as pessoas irão interagir clicando nele, comentando ou compartilhando com seus amigos.

  6. Engaje seu público

Uma vez que você começa a chamar a atenção do seu público, hora do engajamento. Isto faz parte da sua estratégia de mídia social: Você faz seus seguidores se sentirem especiais?

10 passos para criar uma estratégia de mídia social matadora - engajamento

Responda aos comentários e responda as perguntas. É importante ter uma mensagem consistente. Assim você vai ser lembrado sempre como um bom profissional.

  7. Siga a regra 70-30

O que é a regra 70-30? Mantenha setenta por cento envolvendo conteúdo e trinta por cento promocional.

Os setenta por cento devem ser divertidos, interessantes e úteis para o usuário online. Deixe seu público se envolver na conversa, ao invés de se sentir como se estivessem “comprando” toda vez que você postar.

Isso mantém sua audiência interativa e envolvida, de modo que, quando você promove, é muito mais provável que avaliem qualquer informação que você publicou.

  8. Verifique o seu Analytics

A pesquisa deve ser a espinha dorsal de qualquer estratégia de mídia social.

O Google Analytics oferece um rico banco de dados de estatísticas e análises que podem (e devem) orientar suas decisões de postagem e estratégia.

Aproveite esta informação para aprender o máximo possível sobre o conteúdo que está produzindo o maior impacto em sua comunidade. Avalie como e por que alguns conteúdos funcionam e outros não.

  9. Fique ligado nas tendências

Fique ligado nas tendências e histórias relevantes do seu mercado. Este é um trabalho diário.

Bom, todo o trabalho tem que ser revisto diariamente, mas este tópico tem que estar no topo da sua lista de afazeres.

Manter suas postagens atuais é uma forma segura de melhorar o alcance orgânico de qualquer postagem.

  10. Reavaliar, revisar e retrabalhar

Pegue as informações que você excluiu da sua análise e ajuste sua estratégia. A mídia social é fluida. Isso significa que sua estratégia deve permanecer ágil e flexível.

Não tenha medo de mudar as coisas!

Com estes dez tópicos, você já tem um bom começo. Mas não esqueça, você tem que estar sempre estudando seu mercado, sobre mídias sociais. É necessário acompanhar as mudanças de algoritmos e ficar de olho no seu público.

 

SEO no Instagram – Como funciona?

SEO no Instagram é um tema importante. Vivemos num mundo dominado pelos motores de busca. Por isso vou falar para vocês um pouco de SEO e também como ele funciona no Instagram.

95% do tráfego de pesquisa que atravessa o Google, o Alphabet está constantemente atualizando e alterando seus algoritmos para garantir a melhor experiência do usuário.

O Google faz isto para que as pessoas possam encontrar a informação que eles buscam da maneira rápida. E é por isso que a otimização de mecanismos de pesquisa (SEO) é essencial para qualquer negócio.

Mas o Instagram tem seu próprio mecanismo de busca. Então, existe SEO para Instagram ?

Preciso otimizar meu perfil de negócios?

SEO no Instagram - Como funciona 1

SEO Mensura Qualidade

SEO é a espinha dorsal do seu negócio e também o resultado de um site de qualidade.

Para que você tenha uma classificação alta, seu site deve ser rápido, eficiente, envolvente, on-topic e entregar informações exclusivas.

Quando você pergunta a um especialista em SEO como melhorar seu ranking, muitas a resposta recebida é complicada. Provavelmente serão frases com as quais você  não está familiarizado.

No entanto, as coisas são simples.

Otimização de desktop / móvel

Quando uma página é criada para carregar rapidamente no desktop e no celular.

A velocidade de carregamento se traduz em uma experiência perfeita do usuário final. Geralmente isso é feito através de otimização de imagem, reformulação de arquivos e um serviço de hospedagem estável.

Os links quebrados mostram falta de qualidade.

Link Building

Pode parecer complicado, mas está intimamente relacionado com a ideia de informações únicas.

Se houver muitos sites de alto nível que tem um link ligado a seu site, isso significa que o que você tem a dizer é único e informativo.

Interligação

Suas páginas devem ser fáceis de navegar. Se você tiver um sitemap e vincula suas postagens entre si, você irá facilitar os rastreadores e os usuários.

Otimização de imagens

Suas imagens devem ser pequenas para otimizar a velocidade, mas elas também devem estar relacionadas ao conteúdo fornecido.

O que adiciona texto explicativo (alt) a cada imagem é considerado uma boa prática para a experiência do usuário final.

Taxa de retrocesso

Quando as pessoas entram seu seu site e fecham a guia ou sai do seu site rapidamente, algo está errado.

Você não entrega as informações que eles procuram. É por isso que envolver o leitor é a chave.

Densidade das palavras-chave

As páginas no seu site devem estar relacionadas ao conteúdo e ao setor a que você está segmentando.

Você não pode ter uma página sobre cães e falar sobre tópicos não relacionados.

Você também não pode ter uma página sobre cães e simplesmente enviar spam a palavra cachorro repetidamente.

Você deve agregar valor ao tópico de cães.

Ações de mídia social

É o que retorna o envolvimento do leitor. Se sua postagem estiver sendo compartilhada nas mídias sociais, isso significa que você é interessante.

Embora não seja o fator mais importante de uma estratégia de SEO, mas certamente ajuda.

Tudo isso é bom. Basicamente, enquanto você sabe o que você está falando e você entrega conteúdo de qualidade em um site, você está atraindo o público alvo.

Mas com uma competição tão alta onde cada palavra conta para o quão alto você vai escalar na escada de busca, então….

Qual o papel do Instagram no SEO ?

SEO no Instagram - Como funciona 2 Como o Instagram também é um mecanismo de pesquisa, você pode fazer algo para melhorar a rapidez com que as pessoas encontram suas fotos e dirigem o tráfego novo e gratuito para o seu perfil? Vamos discutir!

Instagram e SEO dentro da Plataforma

Ao discutir como alcançar o sucesso do Insta, muitas vezes enfatizamos o fato de que, a qualidade do conteúdo visual é de extrema importância.

A grosso modo, isto é verdade. Fotos únicas que se encaixam no personagem da marca é uma ótima maneira de humanizar sua marca e envolver seu público.

Mas como isso se traduz em tráfego de pesquisa livre? No seu núcleo, o alcance orgânico da plataforma se resume à função de busca e ao algoritmo da linha de tempo.

O Algoritmo de pesquisa e Trending Hashtags

O algoritmo de pesquisa dentro do Instagram é mais uma função dentro da plataforma. Quando as pessoas escrevem uma palavra, uma frase ou uma hashtag na barra de pesquisa, os resultados são pessoas / perfis que você segue e as postagens mais recentes relacionadas ao tema.

Muito parecido com o algoritmo do Google, também é uma resposta direta de como as pessoas usam a função de pesquisa.

Tendo isso em mente, a melhor estratégia para aumentar seu alcance é seguir as últimas hashtags e postar frequentemente.

Mas cuidado, não coloque uma hashtag que não tenha uma real ligação com seu conteúdo.

Você deve focar nas tendências, mas aquelas que estão relacionadas a seu nicho e ainda manter a qualidade da postagem com prioridade máxima.

O nome de domínio do seu site ajuda o Google a saber qual é o seu nome de marca e a apresentar sua página quando as pessoas pesquisam sua empresa.

O mesmo acontece com o Instagram. Para ter um SEO eficiente, você tem que usar seu nome de usuário como seu nome de marca.

Algoritmo de alimentação Instagram e alcance da marca orgânica

Mas o Algoritmo do Timeline do Instagram é onde as coisas ficam muito mais interessantes.

Como o Google é usado principalmente para pesquisas diretas, o Instagram é usado para verificar fotos em um feed.

Com a rolagem e o envolvimento com as fotos sendo a forma mais popular de usar a plataforma, é fato que o Instagram quer que eles tenham a melhor experiência como usuário.

O problema com a otimização de algoritmos é que é muito mais pessoal.

Engajamento

Um dos fatores que acompanha a escolha algorítmica por trás das fotos que aparecem no feed é o envolvimento da foto em questão.

Se o engajamento é ótimo, isso significa que provavelmente é algo que vale a pena ver. Este é um dos fatores mais importantes e a razão pela qual a taxa de engajamento (ER) é uma estatística que você deve acompanhar de perto.

Novidades

As pessoas não querem ver as mesmas. Querem ver algo novo, diferente e recente. É por isso que a novidade é levada em consideração.

Embora isso dependa do seu nicho e da sua concorrência, entre outros fatores, publicar pelo menos uma vez por dia no Instagram é necessário se você quiser aumentar o alcance.

Relevância da Aprendizagem de Máquinas

A tecnologia de reconhecimento de fotos impulsionada pela aprendizagem de máquinas ajuda Instagram a categorizar seu conteúdo.

Quanto mais relevantes as suas fotos são para um determinado nicho, melhor as chances de que você apareça em um feed que esteja interessado nessa área.

Claro, muito parecido com o SEO do Google, o algoritmo Instagram funciona de maneiras misteriosas e as dicas acima mencionadas estão em constante mudança.

Além disso, existem mais de alguns fatores fora do seu controle. Isso inclui se uma pessoa está procurando sua marca ou se ela se envolve com sua marca com frequência.

No entanto, desde que você publique conteúdo de qualidade relacionado a seu nicho, encaixe no personagem da marca, você deve estar indo bem.

Instagram como uma maneira de aumentar sua pontuação de SEO

O Instagram também é um site que se classifica no Google.

Se você tem uma marca estabelecida e você registra uma conta do Instagram, é provável que seu perfil nas mídias sociais apareça mais rápido do que seu site novo.

A melhor maneira de garantir que você receberá um leve aumento de pontuação de SEO ao ter um perfil do Instagram é ter uma descrição curta, mas pontual, com um link para o seu site.

O Raciocínio das Redes Sociais Atrás de um Perfil do Instagram

Quando se trata de mídias sociais, o Instagram é uma das redes mais negligenciadas. Isto se deve ao fato de a maioria das pessoas acharem que basta postar uma foto bacana. A imagem é importante, não resta dúvidas, mas e a legenda? Você usa as hashtags corretas?

Apesar de ter melhores taxas de engajamento do que a maioria dos seus concorrentes, a plataforma ainda não é valorizada. Bom, pelo menos não como deveria.

Isto quer dizer que, você precisa sim considerar o que escreve em suas postagens.

Se forem postagens longas, use frases curtas, parágrafos e tudo que você possa fazer para facilitar a leitura.

Leia o artigo “Por que uma boa legenda é importante?

Otimize os algoritmos no trabalho em seu feed do Instagram.

Tudo que você precisa saber sobre o Whatsapp Business

Há algum tempo estava tendo  um burburinho sobre o whatsapp business, ou seja, o whatsapp para negócios. Depois de muito suspense ele foi lançado e semana passada chegou ao Brasil.  😆

Vou aprofundar no que o aplicativo de negócios oferece e depois te ensinar a  configurá-lo e obter o seu perfil de negócios em funcionamento.

Para quem é o WhatsApp Business?

Na verdade, essa é a única questão que a WhatsApp leva a sério. WhatsApp Business, é meramente destinado a negócios. Foi projetado desde o início para oferecer um serviço de atendimento para clientes e só será usado pelos empresários.

Ele fornece uma aplicação ou plataforma para que as empresas interajam melhor com seus clientes. Com ele você pode fornecer  atualizações, suporte e a opção de administrar seus negócios fora de seus telefones celulares.

Em suma, o cliente usará o aplicativo comum WhatsApp, enquanto o empresário ou gerenciador usa o aplicativo WhatsApp Business.

Isto já foi feito antes?

Sim, mas não a esta escala. Se você procurar a Google Play Store, você encontrará muitos aplicativos que atendem aos usuários empresariais. Por exemplo, a Uber,  tem  o aplicativo ‘Uber’ comum para clientes e um aplicativo ‘Uber Driver’ para motoristas

Em suma, é apenas uma interface para o final do serviço.

O que é diferente do aplicativo padrão? (Características)

É gratuito!

Sim, o WhatsApp permite que você liste seu negócio e mantenha contato com seus clientes sem custo.

Realmente parece que algumas agencias podem perder clientes. Com um aplicativo de mensagens empurrando mensagens de serviço, o SMS humilde, porém caro, poderá em breve tornar-se redundante.

Quando uma empresa pode bombardear sua base de usuários com mensagens de marketing sem o envolvimento de um provedor de telecomunicações, você sabe que as coisas estão mudando.

Mensagens de serviços, ativações e muito mais também podem ser feitas através do WhatsApp.

Certamente, reduz o custo do envio de mensagens SMS, mas também permitirá que uma mensagem de serviço particular venha de um provedor de serviços verificado.

O WhatsApp Business também reduz a necessidade de um negócio pequeno ou pessoal para pagar e executar um aplicativo porque tira as complexidades de operá-lo, incluindo o fator de custo.

Isso também deve ser uma boa vantagem para os usuários porque o serviço virá de uma fonte conhecida e o spam pode ser facilmente removido.

Perfis empresariais

Quanto aos recursos padrão, existem “Business Profiles” que ajudarão os clientes a obter informações adicionais, como o email ou o endereço da loja, o site ou qualquer descrição extra do negócio.

Os perfis são  bastante detalhados e ajudam a estabelecer a natureza do seu negócio no WhatsApp.

Um negócio verificado simplesmente aumenta a autenticidade e permitirá que os usuários do saibam que você não é um ladrão que procura enganar os clientes on-line. O WhatsApp de fato leva a verificação a sério, mas falarei disto mais a frente.

Ferramentas de mensagens

Tudo que você precisa saber sobre o Whatsapp Business - Perfil Empresarial

Existem muitas ferramentas de mensagens que permitem que você, como empresa, configure “respostas rápidas”. São como os chatboots, que garantem o envio de respostas pré definidas às perguntas frequentes.

Você também pode dar ao seu negócio virtual uma mesa de atendimento configurando mensagens de saudação que introduzam os clientes em sua empresa.

O WhatsApp Business também permite mensagens customizadas para uso durante horas extras ou quando os proprietários estão ocupados.

Estatísticas

As mensagens também significam dados. Dados que podem ser usados ​​para entender melhor seus clientes e oferecer melhores serviços. Assim, você pode expandir  seus negócios ao longo do caminho.

Para o efeito, a WhatsApp Business oferece estatísticas de mensagens, um recurso que fornece aos proprietários de empresas métricas simples.

Estas métricas são sobre o número de mensagens que foram enviadas, entregues e lidas. Isto ajuda você a ajustar o conteúdo das respostas rápidas ou sua estratégia de entrar em contato com seus clientes. Uma característica pequena, mas útil, de fato.

WhatsApp Web

O WhatsApp Business também suporta a WhatsApp Web, onde você pode gerenciar o serviço on-line, sem um aplicativo móvel.

O recurso ainda não é tão ”redondinho” como o aplicativo móvel, mas esperamos que ele melhor com tempo.

Estes são os pontos mais finos que definem o WhatsApp Business. Como você viu no recurso desativado, ele é construído desde o início para empresas ou indivíduos que executam sua própria configuração, para atender às necessidades do cliente.

A forma como você planeja usá-lo depende de você e da natureza do seu negócio.

O que você precisa para executar o WhatsApp Business

Existem alguns pré-requisitos para executar o WhatsApp Business por ele ser um serviço projetado.

Você precisará de um smartphone que execute o Android (os proprietários do iOS terão que esperar um pouco), um número para se registrar no serviço. Este será seu número oficial de negócios e será usado quando interagir com clientes.

É melhor se este for um número separado. O motivo para isso é o processo de verificação da WhatsApp. O WhatsApp só permite que um número de celular seja vinculado a uma. Se o seu número atual já está sendo usado, você não pode usá-lo para uma conta do WhatsApp Business.

O que acontece se você possui apenas um cartão SIM e um smartphone? Bem, você terá que mover seus detalhes atuais da conta do WhatsApp para o seu perfil do negócio. Lembre-se, eu disse “mover” não copiar. Sim, mesmo que você tenha ambos os aplicativos instalados no seu telefone, você só poderá usar um ou outro.

“Luh, mas eu quero manter meu número pessoal no whatsapp.” Bom, então você terá que compra um novo aparelho ou um novo SIM para executá-lo. A não ser que você tenha um celular dual chip.

Se você já está executando um negócio com um novo número, então você pode simplesmente mover a conta do WhatsApp associada a este número para o novo aplicativo do WhatsApp Business. E claro, aproveitar os recursos adicionais.

Então, qual o problema da verificação? Com toda probabilidade, um cartão SIM separado torna as coisas mais fáceis para o WhatsApp verificar uma conta comercial.

Outro detalhe a ser observado aqui é que o WhatsApp não está confirmando todas as contas da empresa. “A verificação de negócios baseia-se em uma variedade de fatores, como se a marca é notável”, diz o site de ajuda.

Como faço para configurar o WhatsApp Business?

  1. Se você já possui um número de negócio que é usado principalmente para o WhatsApp, primeiro você precisará fazer backup de seus dados de bate-papo no armazenamento em nuvem.
  2. Para fazer isso, vá para Chats> Backup de bate-papo> e, em seguida, clique no botão ‘Back Up’. Certifique-se de que o upload para a nuvem esteja completo.
  3. Em seguida, baixe o aplicativo da Google Play Store, instale-o e, em seguida, inicie-o tocando no novo ícone do WhatsApp Business na tela inicial do seu smartphone.
  4. Depois de abrir o aplicativo, você precisará verificar o número de telefone da sua empresa. Este será o mesmo número que você será como uma empresa para se comunicar com seus clientes.
  5. Uma vez que seu número é verificado, você pode escolher restaurar um bate-papo anterior associado ao número de celular. Este seria aquele que você fez backup no passo 1.
  6. Defina o nome da sua empresa e, em seguida, uma vez na área de bate-papo, toque no botão de menu e vá para:

Configurações> Configurações de negócios> Perfil.

Aqui, você terá uma variedade de campos semelhantes a um cartão de contato e você pode preencher todos os detalhes que deseja compartilhar com seus clientes.

Agora  a configuração básica está completa. Agora você pode começar a se conectar com pessoas da sua lista de contatos e usar as ferramentas de mensagens para manter contato com elas.

Como você pode ter percebido até agora, o WhatsApp Business atualmente não suporta pesquisar empresas. O proprietário da empresa precisará ter seu número de contato e adicioná-lo para iniciar uma interação. Ou adicioná-lo a um grupo.

Parece um pouco primitivo a princípio. Mas com características de mensagens a bordo, a WhatsApp Business tem muitas chances de se transformar em algo realmente grande. Ah, e a adição do WhatsApp Payments deve funcionar como um catalisador.

Alguém aí já está usando o Whatsapp Business? O que acharam? Tem algo a acrescentar? Deixe sua opinião nos comentários.

Como fazer um bom Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo consistente e de alta qualidade é uma das ferramentas mais eficazes que você possui para atingir os objetivos da sua empresa.

Da construção de marca e da geração de leads para capacitação de vendas. Criação de clientes e parceiros, recrutamento e muito mais, o marketing de conteúdo pode ajudar.

Antes de começar a fazer dezenas de peças de conteúdo, analise o que torna esse conteúdo tão efetivo: é de alta qualidade e consistente?

A maioria dos comerciantes B2B relatam o uso de algum tipo de marketing de conteúdo. Mas infelizmente, muitas equipes não conseguem gerar os resultados que desejam.

Parte dessa desilusão vem da crença de que “fazer marketing de conteúdo” começa e para em ter um blog.

O marketing de conteúdo é uma estratégia abrangente. Inclui um blog, com certeza. Mas também precisa de postagem de convidados, distribuição e análise detalhada para ajudá-lo a aproveitar ao máximo seu investimento.

Para realmente levar o seu marketing de conteúdo para o próximo nível e gerar leads, seu conteúdo deve ser de alta qualidade, estratégico e valioso para o seu público.

Agora vamos às etapas necessárias para fazer sua estratégia de marketing de conteúdo em condições de alto nível e alcançar os resultados que você está procurando.

Através destes seis passos, você aprenderá a transformar o marketing de conteúdo de maneira que irão admirar sua empresa e aumentar o seu ROI.

O que pode afetar diretamente seu trabalho de marketing de Conteúdo?

  • O conteúdo é frequentemente publicado no meio da semana: a maioria do conteúdo é publicada durante a semana, principalmente na terça e quarta-feira, alguns casos na quinta.
  • Os editores querem seu conteúdo: 96% dos editores de publicação on-line informam que estão planejando publicar o mesmo tema de um mesmo conteúdo.
  • Sua competência exclusiva é importante: 85% dos editores dizem que aceitam e publicam o conteúdo do visitante para compartilhar novos insights com seus leitores.
  • As ações sociais levaram ao sucesso: 66% dos editores dizem que medem o sucesso das postagens dos visitantes pelo número de ações sociais que recebem.
  • Acerte o ponto de contagem de palavras: o conteúdo com 1.000 caracteres ou mais tem uma contagem média de palavras de 590 a 790 palavras.

Vá além de simplesmente “ter um blog”.

Ter um blog comercial, postar notícias do nicho e algumas novidades é ok. Mas você está ajudando seu público com isso?

Você precisa ir além, dar respostas, ajudar seu público a resolver seus problemas.

Como fazer um bom Marketing de Conteúdo - conteudo de especialista

Publique o conteúdo feito por especialistas em assuntos da sua empresa.

Um dos primeiros passos para a construção de sua marca é criar conteúdo de liderança. Isto pode vir dos especialistas em assuntos da sua empresa.

Faça uma pesquisa, uma lista de perguntas e faça aos especialistas.

Depois é só colocar online e atinjir seu público-alvo.

Alinhe seu conteúdo com seus objetivos.

Se você estiver colocando recursos valiosos em sua estratégia de conteúdo, então você deve garantir que seus esforços realmente estejam valendo a pena.

Equipes de marketing trabalham muito nas métricas, que são várias, para acompanhar o desempenho do seu conteúdo.

Mas antes de começar a ficar louco com as métricas, você deve ter uma sua finalidade, ou seja, seu objetivo, claramente.

Depois é hora de criar conteúdo (já dei Dicas para 2018)  e ver como ele se encaixa dentro da sua estratégia.

Use “sua mídia orgânica” para aprimorar mídia paga.

Os meios de comunicação pagos e de orgânicos são a dupla dinâmica de marketing de conteúdo.

Separadamente, eles têm suas próprias superpotências únicas, mas juntos, são um combo invencível.

Nutra seus leads com campanhas de mídia social e e-mail.

Essas campanhas – alimentadas por conteúdo valioso e de alto desempenho – garantem que seus leads tenham todos os recursos de que precisam.

Dessa forma, quando estiverem prontos para seus serviços, você será o primeiro da lista deles.

Utilize as ferramentas certas de automação.

Diferentes plataformas de automação podem ser usadas para diferentes propósitos.

Mas geralmente são mais utilizadas para gerenciamento de projetos, distribuição de conteúdo, gerenciamento de redes sociais, análises, etc.

Utilize-as! Você não tem que fazer tudo sozinho.

Como você está fazendo um marketing de conteúdo de qualidade? Tem algo a compartilhar? Comente, colabore, ajude!

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018

O sucesso do Marketing de Conteúdo está mais sagaz do que nunca. Mais concorrência. Mais cinismo do público. Inteligência artificial e robôs sendo utilizados para criar conteúdo de alta relevância e em tempo real.

Este jogo não é fácil. Eu estudo todos os dias para fazer um marketing de conteúdo de sucesso e estudando, descobri alguns pontos cruciais.

Claro, que meu estudo vai ser compartilhado com vocês. Vamos lá?

Lista com 10 dicas de Marketing de Conteúdo para 2018.

1.Não faça posts com conteúdos aleatórios

Tenha uma estratégia e um calendário editorial, e cumpra sua meta.

2. Você precisa ter coragem

A única maneira que você realmente pode ter sucesso é ser o blog favorito / podcast / vídeo / webinar / e-mail de alguém. E isso só acontece se você tem a coragem de ser ESPECÍFICO sobre seu tópico e ponto de vista. Conteúdo que é sobre tudo é sobre nada.

3.Você não abraçará métricas falsas

O consumo de conteúdo (visualizações, downloads, peças) é um sintoma de sucesso, mas não é a única medida disso. O objetivo não é ser bom no conteúdo. O objetivo é ser bom em negócios por causa do conteúdo.

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018 - você não abraçará métricas falsas

4. Honre a sua audiência como um mensageiro

Os seres humanos confiam uns nos outros muito mais do que confiam nas empresas. É aconselhável encontrar formas de encorajar clientes e parceiros a criar conteúdo; muitas vezes é mais bem sucedido e persuasivo do que o conteúdo criado pela empresa.

5. Você será móvel – primeiro (para o real)

Sabemos que o celular é importante. Mas o celular primeiro significa que você usa a visão móvel como a tela visual primária. Afinal, se você diz “primeiro celular”, mas você está constantemente usando um monitor 4K de 34 polegadas para criar tudo, você não é realmente móvel, é?

Você será móvel - primeiro (para o real)

6. Você criará disparadores de conversa

Mas do mesmo todo mundo faz. Se você estiver tendo problemas para fazer conteúdo, sempre que possível, faça-o de forma a criar conversas. Disparadores de conversa são diferenciadores propositadamente criados que fazem o boca a boca involuntário.

7. Você Atomizará Conteúdo

Pegue as suas grandes execuções de grandes  conteúdos  de barraca e refaça, criando uma série menor de pequenos conteúdos, claros e concisos. Para os clientes, use o Princípio 1: 8: Cada grande conteúdo deve gerar pelo menos oito pequenos pedaços de conteúdo. Essa abordagem torna sua execução de conteúdo muito mais eficiente.

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018 - atomizar conteúdo

8. Você não é o Conteúdo Cruzado

Ao atomizar seu conteúdo, no entanto, você não deve publicar exatamente a mesma coisa em vários lugares. As audiências escolhem uma plataforma ou um arquétipo de conteúdo por um motivo. Se você não personalizar e aperfeiçoar seu conteúdo, você perderá seguidores em alguma rede.

9. Quantidade não é qualidade.

Criar mais conteúdo não é uma medida de sucesso. Crie conteúdo para alcançar objetivo. Na verdade, criar muito conteúdo (por exemplo, enviar muitos e-mails, publicar com muita frequência social) muitas vezes tem um impacto negativo nos resultados.

10. Você abordará imagens em movimento

Vídeo. vídeo. vídeo. vídeo.  Movimento, audácia, conversa! Se não tiver isto, seu conteúdo não vai alcançar seus clientes.

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018 - videoBom, estas são as 10 dicas. Nas próximas semanas vou falar um pouco mais de cada assunto e dar mais dicas nas minhas redes. Sigam meu IG e acompanhem minha Página no Facebook.