5 técnicas de copywriting que afetam SEO

5 técnicas de copywriting que afetam SEO - capa

Se você acha que técnicas de copywriting e Search Engine Optimization (SEO) são duas coisas separadas, então precisamos mudar isso.

Técnicas de Copywriting é para o usuário: tudo se resume a fazê-los agir.

Técnicas de SEO é para mecanismos de busca: é sobre apelar para seus algoritmos.

Mas a verdade, no entanto, é que copywriting e SEO trabalham juntos.

“Como assim, Luh?”

Então, você precisa manter as seguintes técnicas de copywriting, SEO mais as dicas abaixo em mente:

1.     Escreva para o usuário primeiro

Quando pensamos em SEO, pensamos na pesquisa de palavras-chave e na duração do conteúdo. Mas esquecemos da evolução dos algoritmos dos mecanismos de pesquisa.

Os mecanismos de pesquisa se importam mais com a autoridade do seu conteúdo. Eles querem saber se as pessoas confiam ou não no que você escrever.

E como você ganha essa confiança? Ao se concentrar em seus leitores.

5 técnicas de copywriting que afetam SEO - escreva para o usuário primeiro

Essa prática aumentará a legibilidade e tornará seu conteúdo mais natural e atraente. E é exatamente isso que tanto os leitores quanto os mecanismos de pesquisa gostam.

Fazendo isso, as pessoas voltarão a seu site automaticamente, indicando aos mecanismos de pesquisa que seu conteúdo é confiável.

Não sei se vocês perceberam, mas os mecanismos de pesquisa ficaram mais inteligentes. Anos atrás, eles retornavam resultados contendo as palavras-chave exatas pesquisadas.

Hoje, eles percebem que quando uma pessoa pesquisa a palavra “celular”, também pode se beneficiar dos resultados semelhantes, como “smartphone”. Você não precisa inserir palavras-chave em seu conteúdo para classificar um termo específico.

Na verdade, você pode ser penalizado por isso. Portanto, embora as palavras-chave ainda sejam importantes, trata-se mais da relevância do que da densidade de palavras-chave. E ao escrever para seu público em primeiro lugar, significa que essas palavras-chave relevantes ocorrem naturalmente.

 

2.     Preste atenção ao tamanho do conteúdo

 

O comprimento do conteúdo é importante para os usuários, e isso significa que é importante para os mecanismos de pesquisa. Esta também é uma das muitas técnicas de copywriting que você pode usar.

Segundo a Associação Americana de Marketing, os artigos que contém entre 1.200 e 1.500 palavras apresentam melhor desempenho nos mecanismos de busca.

Outros especialistas sugerem que você vá um pouco mais longe e escreva o mínimo de 1.500 palavras.

5 técnicas de copywriting que afetam SEO - Preste atenção ao tamanho do conteúdo

No entanto, é importante entender por que essa tendência ocorre. O Google afirmou que eles não contam as palavras em uma página ou usam isso como um fator de classificação. No entanto, o tamanho do conteúdo pode afetar o SEO de outras maneiras:

  • Fornecendo mais palavras-chave, subtítulos e imagens para os robôs do mecanismo de pesquisa rastrear.
  • Aumentando o tempo gasto dos usuários no site, que mostra aos mecanismos de pesquisa seu conteúdo confiável.
  • Oferecendo mais valor para o leitor, o que significa que você receberá mais compartilhamentos e links para seu conteúdo.

Depois de todas essas dicas, repito, mantenha sempre o usuário em mente. Artigos mais longos em blog podem ter um bom desempenho, mas o mesmo tamanho para sua homepage pode não funcionar.

 

3.     Divida seu conteúdo para legibilidade

 

Outra maneira de escrever para o leitor é dividir seu conteúdo de modo que seja fácil para os olhos. Oi? Sim! Legibilidade que chama. Os olhos enxergam com mais clareza quando:

  • Você usa subtítulos
  • Escreve parágrafos curtos
  • Inclui imagens
  • Usa fontes em negrito e itálico para destacar pontos importantes
  • Usando marcadores ou listas numeradas

Tornar o seu conteúdo mais fácil para o leitor ajudará a aumentar os backlinks naturais e a autoridade. No entanto, algumas dessas sugestões também são interessantes para os robôs do mecanismo de pesquisa.

Por exemplo, os mecanismos de pesquisa examinam as tags de cabeçalho para determinar a hierarquia do seu conteúdo. Assim como quais partes são mais importantes do que outras.

Seu título usa a tag H1. Os subtítulos devem usar a tag H2 e assim por diante. (Normalmente, essas configurações são encontradas nas opções de formatação do eu sistema de gerenciamento de conteúdo.).

A utilização dessa hierarquia e a inclusão de palavras-chave em seus subtítulos permitirá que os mecanismos de pesquisa indexem seu site com mais eficiência.

Além disso, as imagens também podem ajudar com SEO. O uso de tags e legendas alt nas imagens mostra o assunto em questão para os mecanismos de pesquisa. Além disso, as próprias imagens podem ser classificadas nos mecanismos de pesquisa, e as imagens relevantes cercadas por texto relacionado terão classificação mais alta.

4.     Cite Influenciadores em Seu Nicho

 

A citação de influenciadores não é apenas uma maneira eficaz de aumentar a qualidade do seu conteúdo, mas também é uma estratégia eficaz de SEO.

5 técnicas de copywriting que afetam SEO - cite influenciadores do seu nicho

Quando você cita influenciadores, vincule-se à fonte. Links externos servem como indicadores de relevância e qualidade do conteúdo. Além disso, eles podem atrair a atenção dos sites aos quais você está vinculando, o que pode impulsionar o engajamento e incentivar os links para seu conteúdo.

Como bônus, você pode usar essa estratégia para entrar em contato com influenciadores e informá-los de que foram mencionados em seu conteúdo. Alguns deles podem querer compartilhar seu artigo e aumentar ainda mais o tráfego.

 

5.     Inclua um forte apelo à ação

 

Não se esqueça de que você não é o único que tem controle sobre a otimização do mecanismo de pesquisa. Seus leitores também podem agir para aumentar seus rankings. Mas como você os ajuda a sair? Inclua um forte apelo à ação no seu conteúdo. Duas rotas principais que você pode usar como estratégia de SEO:

Pedir aos leitores que compartilhem seu conteúdo nas mídias sociais.

Embora o Google não use ações sociais para influenciar as classificações, as ações sociais ainda são importantes. Quanto mais compartilhamentos você tiver, mais pessoas serão alcançadas. E mais uma vez, levará a backlinks mais naturais.

Você pode incentivar compartilhamentos sociais incluindo botões de compartilhamento ao configurar seu blog, mas também pode incentivar compartilhamentos sociais por meio de sua Escrita. Por exemplo, incluir links de clicar para twittar em seu conteúdo ou pedir aos leitores que comentem a opinião deles para você pode impulsionar os compartilhamentos no Twitter.

Incentivar os leitores a deixar um comentário.

Neil Patel, profissional renomado da área de marketing Neil Patel, diz que vale a pena responder a comentários de posts de blogs e que, na verdade, tem benefícios de SEO.

Quanto mais comentários você tiver nos posts do seu blog, mais texto você terá na página. Isso significa que você irá classificar por mais palavras-chave de cauda longa.

Incentive os comentários fazendo uma pergunta instigante no final dos posts do seu blog.

Mantendo estas dicas em mente irá aumentar a eficácia de seus copywriting e SEO.

Como você vai usar essas sugestões em seu copywriting e SEO? Você usa alguma outra estratégia? Deixe sua opinião e dica nos comentários. Se este artigo foi útil compartilhe!

5 perguntas para melhorar seu conteúdo

Como melhorar seu conteúdo?

Todos mundo que cria ou gerencia conteúdo já ouviu a famosa “O conteúdo é o rei!”.

Todo profissional de marketing digital ou influenciador fala esta frase. Mas cá entre nós, isso é uma verdade incontestável.  E tem como melhorar seu conteúdo? Sempre!

A maioria dos blogueiros é apaixonado por conteúdo – por isso a maioria começou com um blog. Mas eles não piram para fazer conteúdo, eles simplesmente encontram maneiras de melhorar o conteúdo que já foi apresentado ao publico.

Se você está começando um blog agora, pode ser que tenha algumas dificuldades. Por exemplo, não saber que tipo de conteúdo vai fazer o blog se destacar. Por outro lado, toda informação que você recebe, pode acabar virando distração, que acaba com seu tempo e recursos.

Então, quando se trata de conteúdo para blog, se pergunte:

O meu blog é muito rápido e fácil de usar?

Antes de começar a falar sobre conteúdo, tenha em mente o seguinte:
A qualidade do seu conteúdo não será suficiente para salvar um blog mal projetado ou lento para carregar.

Se seu site ou blog demora muito a carregar, as pessoas desistirão de ler seu conteúdo e voltarão para o Google. Depois que a página for carregada, seu visitante precisa ver imediatamente o que está procurando ou irá desistir.

E, claro, isso tudo pressupondo que seu blog está sendo encontrado através de pesquisas.

5 perguntas para melhorar seu conteúdo - site

Que fique claro, se ele não estiver indexado e otimizado para os mecanismos de pesquisa, você terá muitos problemas para exibir seu conteúdo para as pessoas que ele criou para ajudar a informar e entreter.

Você precisa ter um site sólido se quiser que seu conteúdo tenha um bom desempenho. Tudo, desde a avaliação adequada de suas opções de domínio até o aproveitamento de um poderoso sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS) – provavelmente o WordPress – tem um impacto sobre o desempenho do seu blog.

Meu conteúdo é original?

A publicação de conteúdo duplicado e não original é péssimo para sua reputação.

Primeiro, o Google irá penalizá-lo em seus rankings de busca. Seus bots rastejam na web todos os dias e catalogam tudo.

5 perguntas para melhorar seu conteúdo - conteudo original

Se o seu artigo, ou grande parte do seu conteúdo aparecer em outro site, o Google poderá penalizar o seu conteúdo como plagio, cópia…

Além disso, se o autor original descobrir, você pode encontrar uma solicitação de retirada em seu e-mail, ou pior. Você pode ser processado!

Às vezes, pessoas desavisas, que estão começando, publicam conteúdo duplicado de forma não intencional. Sim, acontece. Você recebe um release, acha bacana, copia e ola no seu blog. Coleguinhas, não façam isso! Reescrevam, com sua cara, do seu jeito! Deixe esse conteúdo original e com sua marca.

Existem inúmeras razões técnicas para que o conteúdo possa ser duplicado inadvertidamente no seu site. Não importa como isso aconteceu, o Google vai descobrir e o tráfego do seu site vai sofrer.

Mas a penalidade real virá de seus leitores. As pessoas não lerão algo que já leram em outro lugar. E postar versões reescritas do conteúdo de outras pessoas não fará você se destacar.

Você precisa escrever um conteúdo que faça seus leitores voltarem, procurando mais. Então, se o conteúdo que você escreveu lembra muito de algo que você já viu antes, você deve trabalhar mais nisso.

Ainda assim, você deve reconhecer que seu conteúdo não existe no vácuo. Você pode precisar de ajuda de outras pessoas para ajudar no seu ponto de vista. Mas meu caro, minha cara, dê crédito ao coleguinha. Coloque o link do artigo dele! Dê os devidos créditos.

Você está usando títulos sensacionais?

Os títulos devem conter duas características chave: provocar emoção e aguçar a curiosidade humana. Isso é o suficiente para aumentar as taxas de cliques dos artigos.

Para escrever títulos sensacionais, leia 6 passos para escrever os melhores títulos.

6 Passos para Escrever os Melhores Títulos - revise seus títulos favoritos - blog

As primeiras palavras que as pessoas lêem em seu conteúdo – geralmente o título – são cruciais para o sucesso do seu conteúdo. Escrever títulos fortes é uma das estratégias que você deve usar para aumentar o número de leitores.

Você pode escrever títulos fortes, instigantes ou apenas provocativos e ainda ver resultados. O que quer que você escolha, você deve lembrar que aquelas poucas palavras são provavelmente as palavras mais importantes em seu conteúdo.

Como o leitor se beneficiará do meu post no blog?

Se você quiser garantir que seu conteúdo seja de alta qualidade, comece a considerá-lo uma forma de entrega de valor. Seu público vai “perder” tempo lendo seu conteúdo. O tempo que eles gastam é um investimento, então faz sentido que eles ganhem algo para isso.

Tudo começa com a definição do público alvo do seu blog. Quais são as necessidades do seu público? O que eles precisam e como você pode usar sua experiência pessoal para ajudá-los?

“Quando o leitor chega na sua página, você não pode dar qualquer desculpa para apertar o botão” Voltar “no navegador.” – autor desconhecido

Meu conteúdo é fácil de ler e digerir?

Finalmente, você deve entender como as pessoas leem conteúdo. Quando a pessoa se depara com um texto, ela pode desistir de lê-lo, quase que imediatamente.

Você pode fazer muitas coisas diferentes para quebrar a monotonia do seu texto. O objetivo aqui é aumentar significativamente a legibilidade e o apelo do seu conteúdo.

Você pode usar coisas como subtítulos para dividir seu conteúdo em partes gerenciáveis. Melhor ainda, você pode usar fotos para dar aos seus leitores uma outra forma de ver seu conteúdo. Sua escolha de fonte também pode fazer a diferença, assim como o design geral do seu blog.

Fazer essas perguntas depois de escrever um conteúdo ajudará você a obter insights sobre sua redação, seu blog e seu público alvo. Eles não fazem mágica e criam conteúdo de alta qualidade para você. Mas eles vão colocar você na direção certa. Muitas vezes, isso é tudo que precisamos.

É isso pessoal!Espero que eu tenha ajudado vocês e aceito dicas para melhorar meu conteúdo! Deixe sua opinião nos comentários!

6 Passos para Escrever os Melhores Títulos

Como escrever os melhores títulos?

O que impedirá as pessoas de lerem o seu post no blog?
Conteúdo chato?
Falta de clareza?
É um design de site ruim?
Você sabe a resposta?
Você acha que nenhum dos itens acima? Então….  Você está certo.
Sim, os problemas acima podem impedir os leitores de ficarem em seu site. Porém, nada daquilo impede que as pessoas leiam o que você escreve.
Se você quer atrair a atenção, então tem uma coisa você deve fazer: escrever títulos sedutores. Porém, não é qualquer título que você precisa escrever. São títulos que exigem atenção, obrigam as pessoas a agir de alguma forma e geram grandes quantidades de cliques.
Seu título é a primeira coisa que as pessoas vão ler. É a isca que você usa para atrair os leitores.
Se seu título não atrair a atenção do leitor ou aguçar a vontade de continuar lendo, então…. Eles seguirão em frente.
O que torna um título irresistível? Você já se perguntou por que alguns títulos são melhores que outros? O que torna alguns irresistíveis e outros fracos?
Mais importante, alguma vez sonhou em realmente escrever títulos que conquistam as pessoas?
Felizmente, existem algumas regras que podemos aprender para fazer um título “matador”. Isso vai envolver você, o Feedly e cerca de 90 minutos do seu tempo.
São 90 minutos do seu tempo que valerão a pena. Agora, se você quer aprender como escrever títulos com métodos que você ainda não experimentou… Continue lendo o artigo. Vamos começar!
Leia também algumas dicas para escrever melhor aqui.

1. Defina seu público

Quem se beneficiará mais com sua mensagem?
6 Passos para Escrever os Melhores Títulos - publico
Identificar as pessoas que você deseja influenciar com sua mensagem ajudará você a responder às perguntas deles. Também fará com que você concentre seus esforços e a garanta que seu conteúdo entre em sintonia com eles.
Você precisa conhecer seus leitores ideais.  Vai desdes a escolha de palavras, uso de gírias e preferência de humor… Há muitas coisas sobre seus leitores que você precisa saber. Essas informações ajudarão você a escrever títulos que atrairão a atenção das pessoas para as quais você está escrevendo.
Etapa de ação: pense em 1-3 pessoas que você deseja alcançar com sua mensagem.

2. Inscrever-se em 100 blogs

Ok, quais blogs seu público-alvo lê?
Agora, faça uma conta gratuita no Feedly.
Em seguida, siga 50 blogs que seu público alvo lê.
Se você não sabe mais de 10, pesquise os principais blogs nas categorias do seu nicho. Por exemplo, você pode pesquisar “melhores + marketing + blogs” para ter uma ideia dos principais blogs de marketing.
Se você for realmente usar o Feedly, poderá fazer upgrade em sua conta para obter a “Pesquisa avançada” e ajudar a encontrar blogs, mas não é necessário para essa etapa. Na verdade é necessário paciência para pesquisar. Mas se você escreve, então esse é um pré requisito, “neah”?
Eu não recomendo seguir mais de 50 blogs em seu nicho. Afinal, você precisa saber o que está acontecendo pelo mundo, em outras áreas. Não pode apostar em uma carta só. 😉 Fica a dica!
Escolha blogs que lidam com política, ciência, história, SEO, escrita, ficção, religião e notícias, etc.
Para este último grupo de blogs, você pode realmente escolher o que quiser. Para mim, tenho blogs em minha conta sobre marketing, umbanda, exercício, escrita e cachorros.
Por que selecionar uma variedade de blogs é importante?
Fique ligado. Vou explicar “mais tarde”.
Etapa de ação: inscreva-se em 100 blogs

3. Analise os títulos dos artigos de cada blog

Prepare-se, porque é aqui que achamos o caminho para o porte de ouro o final do arco-íris. Não, não é apenas seguir o arco-íris!
Vá para sua conta do Feedly e clique em “Todos” no canto superior esquerdo. Isso fornecerá uma lista de todas as postagens mais recentes dos blogs/sites que você segue.
Escrever títulos melhores existe dedicação. Eu não disse que ia ser fácil, bom, pelo menos no começo.
Se você selecionou 100 blogs, você deve ter centenas de títulos para analisar.
Quando estiver pronto, comece a ler os títulos.
Ao se deparar com títulos de que você gosta, sinalize a postagem para “ler mais tarde”.
Tente não avaliar a manchete… Use seu instinto. E se você precisar, faça notas. Use Evernote, papel, bloco de notas… Qualquer coisa que você precise para manter o controle de seus pensamentos.
Você vai escrever títulos melhores com essas dicas.
Etapa de ação: marque 50 postagens como “lidas depois”.

4. Revise seus títulos favoritos

Depois de analisar todos os títulos, clique em “Ler mais tarde” no canto superior esquerdo do seu Feedly.
Comece a ver as postagens que você gostou e pense no por quê.
Foi provocativo?
Era uma pergunta?
Houve algum elemento de urgência envolvido?
Foi ultra específico?
O título era simplesmente estranho?
6 Passos para Escrever os Melhores Títulos - revise seus títulos favoritos
Ao refletir sobre os títulos que você salvou, prepare-se para anotar seus insights.
Etapa de ação: registre suas respostas.

5. Procure padrões

Depois de ler 20 a 30 títulos, você verá padrões óbvios surgindo.
O que você você anotou no último passo?
Você achou que o título transmitia um senso de urgência, especificidade e utilidade?
Ou o título apelou para o seu senso de intriga, interesse próprio e curiosidade?
Não há método errado ou certo nesta etapa. Depois de ler vários títulos, você observará temas comuns que podem ou não funcionar para você, o que nos leva ao nosso último passo.
Etapa de ação: Anote os padrões que você observou em suas manchetes favoritas.

6. Teste seus títulos

Agora que você está ciente dos padrões que chamaram sua atenção, então chegou a hora de testá-los. Isso significa que você precisa começar a escrever títulos para suas postagens que incorporam esses padrões, publicar suas postagens e acompanhar seus resultados.
O que você deve acompanhar?
Simples.
Veja se você pode observar um aumento nas métricas comuns que você observa. Acompanhe o número de pessoas que lêem sua postagem, comentam e compartilham nas redes sociais. Isso ajudará você a ver o que funciona e o que não funciona para você.

Sua vez!

Tenho certeza de que este exercício fornecerá uma sólida compreensão do que é preciso para escrever os melhores títulos. Títulos que chamam atenção.
E também sei que quanto mais você colocar em prática as regras aprendidas aqui, mais fortes serão seus títulos e mais sucesso você terá em seus textos.
Em breve volto com mais lições. Afinal, não adianta ter um título perfeito, se você não entregar um conteúdo de prenda atenção do leitor.
Enfim,  me conte quais regras você daria para este artigo? Estou ansiosa para ler os comentários de vocês.

5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão

5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão
Como usar o marketing digital para aumentar suas taxas de conversão?
A mídia social é uma das ferramentas de geração de leads mais poderosas disponíveis atualmente. O problema é que o tempo e o trabalho nas mídias sociais nem sempre se traduzem em leads reais.
Mas, é fato que, o marketing de conteúdo custa 62% menos do que o marketing tradicional. E gera três vezes mais leads, aumentando assim as taxas conversão.
Está na hora de transformar todo seu trabalho em resultados.
Se você estiver usando sempre as mesmas estratégias e estiver frustrado com o fato de seu conteúdo de mídia social não estar convertendo…. Então leia este artigo até ofim!

5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão

1. Você não diferencia sua marca pessoal

Se você não sabe o que diferencia sua marca da concorrência, como espera que seu público entenda?
A mídia social é uma forma te dá a oportunidade de expressar de forma única. Então, antes de começar a ler esse artigo, pense sobre isso assim.
Seja você um empreendedor, um pequeno empresário ou um gerente de marketing, você é um reflexo do negócio.
E em um mundo online e abarrotado de informações, posicionar sua marca pessoal como especialista só vai ajudar. Não se preocupe, isso não vai prejudicar a visibilidade da empresa.
Você precisa representar a você e também a marca, estendendo a confiança de um para o outro.
Fazendo isso e criando conteúdo que atinja seu público, tudo ficará mais fácil.
Você não vai mais dar tiro no escuro, seu público vai dizer a você o que quer. Como você vai conseguir aumentar sua taxas de conversão, se você não tem um objetivo?
Mais do que isso, eles se conectam com você de uma maneira pessoal.

  2. Seu conteúdo não atende a pergunta “O que posso fazer por você?”

Os consumidores não têm tempo para analisar seu conteúdo por horas ou mesmo minutos.
Eles estão se movendo em um ritmo acelerado. E têm apenas alguns segundos para pesquisar, interagir e decidir com qual empresa eles se conectarão.
5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão - Neil Patel
Fonte: Neil Patel
É por isso que é fundamental encontrar uma maneira de capturar a atenção deles logo de cara. Para fazer isso de forma eficaz, você precisa responder a pergunta: O que eu posso fazer por você?
Primeiro, tenha claro qual problema você está resolvendo e como vai crirar um resultado positivo para seu público.
Em seguida, certifique-se de incorporar sua resposta em todos os conteúdos, incluindo suas conversas online.
E, finalmente, garanta que todas as suas postagens e interações diárias sejam simples, com um claro apelo à ação.
Não deixe seu cliente em potencial adivinhando o que sua empresa oferece.
Lembre-se, as taxas de conversão, dependem do que você oferece a seus leads.

  3. Você não tem criatividade

Se o seu conteúdo de mídia social é chato e sem vida, seu tráfego, leads e vendas vão sofrer.
Seja criativo e faça todo o conteúdo gritar por VOCÊ!
 5 táticas de marketing digital que aumentarão suas taxas de conversão - criatividade
Quando você adiciona criatividade e originalidade, você ganha insights para seu público em:
  • Quem é você
  • Como você ajuda
  • Por que você faz o que faz
As pessoas não querem fazer negócios com um estranho, especialmente um que seja desagradável e chato.
Eles querem se conectar com pessoas que conhecem, gostam e confiam.
Crie conteúdo que seja atraente de maneira criativa e fale a linguagem do seu público.
A criatividade ajudará a adicionar um novo nível de personalidade e a tornar seu conteúdo exclusivo!

  4. Seu conteúdo não educa

O objetivo das mídias sociais nunca deve ser simplesmente enviar spam ao seu feed com conteúdo promocional.
Fale sobre as coisas que mais importam para o seu público, criando intrigas e conscientização através de conversas.
Não sabe o que falar?
Pergunte a si mesmo: existe uma pergunta que seus clientes perguntam repetidamente? Encontre uma maneira de responder.
Você pode transformar isso em um novo artigo do blog, uma dica rápida, um podcast ou um breve tutorial em vídeo.
E com isso, você vai conseguir o que? Aumentar suas taxas de conversão!  😉

  5. Você está muito lento para responder ou acompanhar

Não perca oportunidades! Portanto, responda rápido!
Pense nisso: seu cliente em potencial reservou um tempo para entrar em contato com você, com um problema ou pergunta.
Sendo assim, se você não responder de maneira oportuna, ele não se achará especial. Não se esqueça, marketing digital e mídias sociais, são sobre relacionamento.
Coloque em prática um plano para abordar rapidamente suas dúvidas e um sistema para acompanhamento após o contato inicial.
E lembre-se … nunca deixe uma pista sair do seu radar. Ao fazer isso, você está deixando a decisão de um cliente em potencial ao léu.
Em vez disso, alimente os detalhes adicionais do seu lead e incentive-os a seguir em frente com você. Seu acompanhamento pode vir na forma de um telefonema, tweet, e-mail, reunião presencial ou qualquer meio de comunicação apropriado.
Mas sempre, sempre, sempre – acompanhe seu cliente.

 Enfim….

O conteúdo é uma ótima maneira de comunicar,  transmitir seus pensamentos e ideias. Mas nem todo conteúdo é criado da mesma maneira.
Crie conteúdo para seu público e sua jornada em mente. Portanto, você tem que analisar:
O que é preciso para criar consciência, nutrir essas relações e ativá-las?
O que eles precisam saber para tomar uma decisão educada?
Concentre-se na criação de conteúdo que atinja cada aspecto do funil de marketing. Sendo assim, inspire-os, incentive-os, envolva-os.
Dê a eles todos os motivos (e depois mais alguns) para dar o próximo passo com o seu negócio. Dessa forma, você criará um bom relacionamento com seu público.

Blog Post: a anatomia da criação de conteúdo

Muitas pessoas querem ter um blog. Mas o que você tem que fazer para começar a escrever? Bom, você precisa passar por todo processo do blog post da anatomia da criação de conteúdo.

Escrever e manter um blog, é uma ótima maneira de atrair clientes. Escrevendo, você pode transformar prospects em leads. E depois, em compradores.

Com muitos sites e blogs on-line, você precisa se certificar de que sua informação se destaque. Só assim, você vai atrair leitores.

Mas que anatomia é esta que você precisa para criar um ótimo conteúdo de blog? Por onde começar? O que é essencial?

Vamos começar!

Pesquisa

 

O conteúdo do blog deve ser valioso e útil para o leitor. Então, sem a pesquisa adequada, você pode não atingir esse objetivo.

Você precisa pesquisar não só as informações que serão incluídas na postagem do blog. Há um pequeno número de itens a serem pesquisado também:

– tópicos sobre o assunto

– palavras-chave

Agora você já pode focar na pesquisa das informações que serão incluídas no conteúdo do seu blog:

– dados

– estatísticas

– links de fontes respeitáveis ​​que podem demonstrar aos seus clientes que você sabe do que está falando.

Esta apresentação ajudará a estabelecer sua credibilidade com seus leitores. Você será visto como alguém que conhece os problemas deles e os ajuda a resolver.

Palavras-chave

palavras chave - Blog Post a anatomia da criação de conteúdo

Palavra-chave é uma parte essencial para criação de conteúdo. Só assim você vai se destacar e conseguir alcançar uma audiência apropriada.

Leitores, assim como nós, escritores, pesquisam por frases e palavras-chave específicas para encontrar a informação que procuram.

E por isto, que o uso dessas palavras-chave em seu conteúdo é crucial. Com a densidade de palavras-chave adequada, seu conteúdo será facilmente encontrado na pesquisa. Assim, a probabilidade de os leitores clicarem no seu conteúdo, é muito maior. Além de ter uma melhor classificado no ranking do Google.

Você precisa usar as palavras-chave certas em todo o seu conteúdo, de maneira natural. Sem excesso. O preenchimento de palavras-chave pode realmente ter o efeito oposto e acabar baixando sua localização no ranking. Por isto a necessidade de fazer isto de maneira adequada.

Título

 

Qual será o melhor título para meu texto?

Um bom título é importante para a otimização de mecanismos de pesquisa. Mas não é só isso, também é ele que atrai a atenção dos leitores. É ele quem os atrai para o seu conteúdo.

Seu título tem que ser chamativo, mas não mentiroso. Se você quer que um título perfeito, tem que condizer com o conteúdo oferecido.

Se o leitor for a seu site através do título e o conteúdo não for bom, ele vai sair. Isto traz rejeição. Se ele não encontrar o que você está “vendendo” através do título, ele também vai sair. Seja verdadeiro e astuto (nossa, que palavra de velho né?).

Ao criar seu título, você precisa saber quais títulos são mais procurados e compartilhados.

De maneira geral, eles têm que ter até 60 caracteres para atrair maior atenção. Aqueles que têm entre 8 a 12 palavras, são mais compartilhados no twitter. E de 12 a 14 palavras são compartilhados no Facebook.

Meta Descrição

A meta-descrição pode parecer uma pequena parte da postagem do blog, mas é importante, valorize.

Ela é o que os leitores veem quando encontram sua página no resultado da pesquisa. É um breve resumo de uma ou duas linhas do conteúdo.

Os metadados funcionam melhor quando têm menos de 155 caracteres, enquanto fornecem o máximo de detalhes sobre o que os leitores podem esperar encontrar.

Imagem ou gráfico

imagem ou gráfico - Blog Post a anatomia da criação de conteúdo

 

Cada postagem no blog deve incluir pelo menos uma imagem atraente. Também pode ser um gráfico e tem que estar relacionado com o conteúdo.

Mas não basta uma foto. É necessário mais. Tente infográficos, screenshots ou gifs, etc. Mas tudo ilustrando informações relevantes que você está prestes a fornecer ou forneceu.

Introdução

Uma introdução tem importância crucial. É ela quem convence seus leitores a ler o resto da sua publicação.

Os leitores normalmente fazem uma leitura dinâmica (eu faço) do conteúdo para ver se é o que eles estão procurando. Isso faz com que essas primeiras linhas são extremamente importantes para chamar a atenção.

Normalmente, as apresentações que usam humor, fatos surpreendentes, perguntas ou uma estatística emocionante são as que mantem o interesse do leitor.

Veja esse artigo da Resultados Digitais, que dão dicas sobre Introdução.

Subtítulos

Subtítulo é uma maneira de tornar o conteúdo mais fácil de ler. Ele divide o conteúdo em seções específicas.

Também é uma maneira significativa de ganhar rankings em SEO. Ah, e ajuda a sinalizar o Google e outros motores de busca populares sobre as informações que o artigo contém.

Corpo do texto

O corpo da sua publicação é considerado o miolo do seu conteúdo. É onde os leitores esperam encontrar a informação mais valiosa.

Em média, a postagem de blog que contêm, entre 2.000 e 2.200 palavras tem maior visibilidade. Leva entre cinco e sete minutos para ler e prende a atenção dos leitores.

Mas, postagens mais curtas, que tenham entre 500 e 800 palavras serão muitas vezes lidas com mais facilidade e mais compartilhadas.

Mas o conteúdo tem que ser valioso e muito relevante. Tem que conter informação fácil de ler e entender. Os parágrafos tem que ser curtos e não se esqueçam dos subtítulos.

Conclusão

Quando estiver pronto para encerrar e assinar, avise ao leitor que o artigo está se fechando. Sua conclusão não precisa ser longa. Mas certifique-se de recapitular a publicação dê mais recursos e orientação. Caso seja necessário e caiba neste conteúdo.

Chamada à ação

Em sua conclusão, pode e deve haver uma chamada à ação significativa (CTA). Pode ser um conselho, uma oferta de conteúdo ou um link para outra postagem relacionada ao tema.

Use as últimas linhas da sua publicação para fazer com que o leitor sinta que aprendeu algo com você. E não só isso, que vai aprender ainda mais. Plante o desejo de clicar em um link, deixar um comentário, compartilhar, etc.

Enfim….

Então é isto (estou avisando que finalizarei o artigo). Espero que eu tenha ajudado você, que está lendo e quero a opinião de vocês. Quando vão criar um artigo para blog, como vocês fazem?

Em breve escreverei mais artigos sobre marketing de conteúdo e escrita em geral. Se inscreva na newsletter e receba tudo em seu e-mail.

Como fazer um bom Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo consistente e de alta qualidade é uma das ferramentas mais eficazes que você possui para atingir os objetivos da sua empresa.

Da construção de marca e da geração de leads para capacitação de vendas. Criação de clientes e parceiros, recrutamento e muito mais, o marketing de conteúdo pode ajudar.

Antes de começar a fazer dezenas de peças de conteúdo, analise o que torna esse conteúdo tão efetivo: é de alta qualidade e consistente?

A maioria dos comerciantes B2B relatam o uso de algum tipo de marketing de conteúdo. Mas infelizmente, muitas equipes não conseguem gerar os resultados que desejam.

Parte dessa desilusão vem da crença de que “fazer marketing de conteúdo” começa e para em ter um blog.

O marketing de conteúdo é uma estratégia abrangente. Inclui um blog, com certeza. Mas também precisa de postagem de convidados, distribuição e análise detalhada para ajudá-lo a aproveitar ao máximo seu investimento.

Para realmente levar o seu marketing de conteúdo para o próximo nível e gerar leads, seu conteúdo deve ser de alta qualidade, estratégico e valioso para o seu público.

Agora vamos às etapas necessárias para fazer sua estratégia de marketing de conteúdo em condições de alto nível e alcançar os resultados que você está procurando.

Através destes seis passos, você aprenderá a transformar o marketing de conteúdo de maneira que irão admirar sua empresa e aumentar o seu ROI.

O que pode afetar diretamente seu trabalho de marketing de Conteúdo?

  • O conteúdo é frequentemente publicado no meio da semana: a maioria do conteúdo é publicada durante a semana, principalmente na terça e quarta-feira, alguns casos na quinta.
  • Os editores querem seu conteúdo: 96% dos editores de publicação on-line informam que estão planejando publicar o mesmo tema de um mesmo conteúdo.
  • Sua competência exclusiva é importante: 85% dos editores dizem que aceitam e publicam o conteúdo do visitante para compartilhar novos insights com seus leitores.
  • As ações sociais levaram ao sucesso: 66% dos editores dizem que medem o sucesso das postagens dos visitantes pelo número de ações sociais que recebem.
  • Acerte o ponto de contagem de palavras: o conteúdo com 1.000 caracteres ou mais tem uma contagem média de palavras de 590 a 790 palavras.

Vá além de simplesmente “ter um blog”.

Ter um blog comercial, postar notícias do nicho e algumas novidades é ok. Mas você está ajudando seu público com isso?

Você precisa ir além, dar respostas, ajudar seu público a resolver seus problemas.

Como fazer um bom Marketing de Conteúdo - conteudo de especialista

Publique o conteúdo feito por especialistas em assuntos da sua empresa.

Um dos primeiros passos para a construção de sua marca é criar conteúdo de liderança. Isto pode vir dos especialistas em assuntos da sua empresa.

Faça uma pesquisa, uma lista de perguntas e faça aos especialistas.

Depois é só colocar online e atinjir seu público-alvo.

Alinhe seu conteúdo com seus objetivos.

Se você estiver colocando recursos valiosos em sua estratégia de conteúdo, então você deve garantir que seus esforços realmente estejam valendo a pena.

Equipes de marketing trabalham muito nas métricas, que são várias, para acompanhar o desempenho do seu conteúdo.

Mas antes de começar a ficar louco com as métricas, você deve ter uma sua finalidade, ou seja, seu objetivo, claramente.

Depois é hora de criar conteúdo (já dei Dicas para 2018)  e ver como ele se encaixa dentro da sua estratégia.

Use “sua mídia orgânica” para aprimorar mídia paga.

Os meios de comunicação pagos e de orgânicos são a dupla dinâmica de marketing de conteúdo.

Separadamente, eles têm suas próprias superpotências únicas, mas juntos, são um combo invencível.

Nutra seus leads com campanhas de mídia social e e-mail.

Essas campanhas – alimentadas por conteúdo valioso e de alto desempenho – garantem que seus leads tenham todos os recursos de que precisam.

Dessa forma, quando estiverem prontos para seus serviços, você será o primeiro da lista deles.

Utilize as ferramentas certas de automação.

Diferentes plataformas de automação podem ser usadas para diferentes propósitos.

Mas geralmente são mais utilizadas para gerenciamento de projetos, distribuição de conteúdo, gerenciamento de redes sociais, análises, etc.

Utilize-as! Você não tem que fazer tudo sozinho.

Como você está fazendo um marketing de conteúdo de qualidade? Tem algo a compartilhar? Comente, colabore, ajude!

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018

O sucesso do Marketing de Conteúdo está mais sagaz do que nunca. Mais concorrência. Mais cinismo do público. Inteligência artificial e robôs sendo utilizados para criar conteúdo de alta relevância e em tempo real.

Este jogo não é fácil. Eu estudo todos os dias para fazer um marketing de conteúdo de sucesso e estudando, descobri alguns pontos cruciais.

Claro, que meu estudo vai ser compartilhado com vocês. Vamos lá?

Lista com 10 dicas de Marketing de Conteúdo para 2018.

1.Não faça posts com conteúdos aleatórios

Tenha uma estratégia e um calendário editorial, e cumpra sua meta.

2. Você precisa ter coragem

A única maneira que você realmente pode ter sucesso é ser o blog favorito / podcast / vídeo / webinar / e-mail de alguém. E isso só acontece se você tem a coragem de ser ESPECÍFICO sobre seu tópico e ponto de vista. Conteúdo que é sobre tudo é sobre nada.

3.Você não abraçará métricas falsas

O consumo de conteúdo (visualizações, downloads, peças) é um sintoma de sucesso, mas não é a única medida disso. O objetivo não é ser bom no conteúdo. O objetivo é ser bom em negócios por causa do conteúdo.

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018 - você não abraçará métricas falsas

4. Honre a sua audiência como um mensageiro

Os seres humanos confiam uns nos outros muito mais do que confiam nas empresas. É aconselhável encontrar formas de encorajar clientes e parceiros a criar conteúdo; muitas vezes é mais bem sucedido e persuasivo do que o conteúdo criado pela empresa.

5. Você será móvel – primeiro (para o real)

Sabemos que o celular é importante. Mas o celular primeiro significa que você usa a visão móvel como a tela visual primária. Afinal, se você diz “primeiro celular”, mas você está constantemente usando um monitor 4K de 34 polegadas para criar tudo, você não é realmente móvel, é?

Você será móvel - primeiro (para o real)

6. Você criará disparadores de conversa

Mas do mesmo todo mundo faz. Se você estiver tendo problemas para fazer conteúdo, sempre que possível, faça-o de forma a criar conversas. Disparadores de conversa são diferenciadores propositadamente criados que fazem o boca a boca involuntário.

7. Você Atomizará Conteúdo

Pegue as suas grandes execuções de grandes  conteúdos  de barraca e refaça, criando uma série menor de pequenos conteúdos, claros e concisos. Para os clientes, use o Princípio 1: 8: Cada grande conteúdo deve gerar pelo menos oito pequenos pedaços de conteúdo. Essa abordagem torna sua execução de conteúdo muito mais eficiente.

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018 - atomizar conteúdo

8. Você não é o Conteúdo Cruzado

Ao atomizar seu conteúdo, no entanto, você não deve publicar exatamente a mesma coisa em vários lugares. As audiências escolhem uma plataforma ou um arquétipo de conteúdo por um motivo. Se você não personalizar e aperfeiçoar seu conteúdo, você perderá seguidores em alguma rede.

9. Quantidade não é qualidade.

Criar mais conteúdo não é uma medida de sucesso. Crie conteúdo para alcançar objetivo. Na verdade, criar muito conteúdo (por exemplo, enviar muitos e-mails, publicar com muita frequência social) muitas vezes tem um impacto negativo nos resultados.

10. Você abordará imagens em movimento

Vídeo. vídeo. vídeo. vídeo.  Movimento, audácia, conversa! Se não tiver isto, seu conteúdo não vai alcançar seus clientes.

10 Dicas de Marketing de Conteúdo para 2018 - videoBom, estas são as 10 dicas. Nas próximas semanas vou falar um pouco mais de cada assunto e dar mais dicas nas minhas redes. Sigam meu IG e acompanhem minha Página no Facebook.

Brainstorming & um Guia de Brainstorming para Blog

Semana passada, eu falei de ideias do tipo de publicação que deseja escrever, é hora de se tornar mais específico e fazer com que estas ideias virem textos. Para isso vamos aprender a fazer brainstorm para blog.

Aqui estão algumas maneiras efetivas de fazer isto e um Guia de Brainstormin para Blog!

Quora é um ótimo lugar para aprender algo novo e compartilhar seu conhecimento profissional. É também a oportunidade perfeita para ver quais as questões relacionadas com sei nicho e o que as pessoas estão perguntando.

Basta digitar suas palavras-chave e ver as questões que estão em pauta. Então, simplesmente responda uma ou mais em sua postagem. Você também pode procurar em outros fóruns relacionados a seu nicho e canais de distribuição de conteúdo.

Converse com seus fãs e seguidores no Facebook, Twitter, Instagram e outros sites sociais.

Veja seus comentários e preste atenção aos problemas que estão tendo e às perguntas que eles fazem.

Você pode até visitar as páginas sociais dos seus concorrentes e tirar ideias das perguntas que seu público alvo.

Por que começar do zero sempre que você pode construir em cima do que você já possui?

Olhe para as suas postagens de blog antigas, postagens em todas as redes sociais e veja se há algo que você pode reutilizar ou adicionar algo a mais.

Talvez seja um conteúdo que agora esteja desatualizado e que precise ser revisado, ou um excelente conteúdo que se perdeu ou está esquecido. Estou precisando fazer isso aqui no site e em breve farei e espero que vocês também façam:

Digite-o, revise-o, reescreva-o ou use-o como um trampolim para novas postagens.

 

Se você já tem algumas postagens em seu site ou blog, volte e veja os comentários.

O que os leitores estão perguntando? Quais postagens estão recebendo mais comentários?

Desenhe essa informação para determinar o que mais os leitores querem saber.

Também não se esqueça de olhar para as postagens que receberam muitos comentários positivos. Se os leitores expressaram interesse, esta é provavelmente uma ótima chance de expandir e construir sobre o assunto.

 

Quem diz que você não pode se inspirar nos livros?

Veja seus livros relacionados ao seu negócio e veja quais os tópicos que eles abordam.

A tabela de conteúdos geralmente é o local perfeito para iniciar sua busca e obter algumas ideias.

 

Se você escreveu artigos para outros sites, não perca seu trabalho.

Retrabalhe o que está escrito nestes blogs, cria algo novo a partir desses artigos e use em seu site/blog.

No entanto, se você enviou uma postagem como convidado, há pouco tempo, espere algumas semanas antes de publicá-lo em seu blog. Você não quer sua competindo com a publicação original.

 

Fique atento aos blogs e conversas iniciadas por seus concorrentes.

Afinal, as chances são de que você tenha o mesmo público-alvo e quem sabe, até os mesmos leitores, por que não aprender algo de suas experiências positivas e negativas?

Analisar a escrita do seu concorrente pode te dar uma imagem clara do real interesse dos seus clientes.

Uma boa maneira de manter um olho nesses blogs é com ferramentas como o Google Alerts ou o BuzzSumo.

 

Fique atento a esses e-mails das suas campanhas que obtiveram maior sucesso. Preste atenção especial às taxas de clique. Essas taxas podem indicar um tema convincente e muitos cliques são um sinal de que você o apresentou bem.

Agora, pegue esses e-mails e os aumente. Faça uma postagem mais completa em seu blog.

 

Aprenda com os profissionais procurando sua própria inspiração em bastidores de revistas ou em jornais.

Que tipo de recursos que atraem seu interesse?

Pegue-os e se adapte ao seu blog.

Lembre-se, a adaptação não significa plagiar. Isso significa inspirar-se em uma manchete rápida ou um editorial espirituoso, estudando a estrutura e aplicando-a ao seu próprio trabalho.

 

Uma das melhores maneiras de gerar ideias de postagem no blog é fazer uma pesquisa para as palavras-chave do seu negócio em vários sites de marcadores sociais.

Aqui estão apenas alguns que você pode pesquisar:

  • Pinterest
  • Reddit
  • Tumblr
  • StumbleUpon
  • ScoopIt

Em seguida, ordene os resultados com base na popularidade e veja quais são os melhores.

Artigos com o máximo de buzz são excelentes fontes de conteúdo para reimaginar seus próprios canais de marketing.

 

Se você ainda não dá a seus leitores a oportunidade de falar e fazer perguntas, isto tem que mudar!

Incentive seus assinantes a responder seus e-mails com perguntas, comentários, avaliações de produtos, serviços ou qualquer outra coisa que tenha relevância para você.

Não só isso ajudará a fortalecer seu relacionamento com esses assinantes, mas isso irá ajudá-lo a obter informações valiosas sobre o que eles pensam

 

Conversa com os clientes da sua loja. Ligue para seus clientes mais leais para entrevistas. Defina cartões de comentários para obter feedback.

Tenha conversas com familiares e amigos que não conhecem seu negócio.

Compare sua perspectiva contra o feedback de seus clientes e faça uma conclusão.

Claro, todas essas ideias são especialmente eficazes para empresas locais, mas também podem trabalhar para um negócio on-line.

ENFIM…

Brainstorming para tópicos do blog pode ser difícil no início. Mas vocês viram que há inúmeras maneiras de gerar ideias e cada processo é uma fatia do seu bolo.

Agora você tem uma boa ideia sobre o tipo de publicação que deseja escrever e de também onde tirar ideias.

O próximo passo é criar o suas próprias ideias.

Então, pegue a folha de trabalho abaixo e responda cada uma das perguntas.

 

Depois de terminar, você terá tópicos de blog suficientes para durar um ano por ano!

 

Baixe seu Guia de Brainstorm para Blog aqui! 

Inspiração de Conteúdo para Seu Blog

Sente-se no computador, com os dedos no teclado, pronto para escrever a próxima postagem do blog, mas não tem ideia do que escrever? Então hoje vou te dar inspiração de conteúdo para seu blog!

Isso acontece com o melhor de nós. Essa tela em branco nos apavora, não é mesmo? Mas a boa notícia é que hoje vou te dar varias maneiras de fazer um brainstorm.

Você só precisa saber onde procurar e como induzir seu cérebro para aqueles dias menos do que criativos.

 

Determine o tipo de publicação a escrever

Há mais do que apenas um tipo de publicação. Então, se você está perdendo ideias, comece por determinar qual (is) tipo (s) de postagens em que deseja focar. Isso irá ajudá-lo ter ideias novas ou a ajustar as que você já possui.

Talvez você tenha uma ideia geral do que escrever, e simplesmente não saiba como apresentar a informação da melhor maneira possível. Nesse caso, escolher o tópico certo te ajudará a se concentrar mais.

Aqui estão alguns tipos de postagem que você precisa considerar

1.Como e o que postar!

Tutoriais e instruções são gostosos! Por quê? Porque eles ajudam o leitor a resolver um problema que enfrentam. As postagens que “ensinam” são mais do que simples palavras ou frases vagas – estão cheias de dicas práticas e instruções.

Então, pense sobre quais pontos fortes e conhecimentos que você possui e que podem beneficiar seus leitores.

Você também pode escrever sobre as táticas que você tentou, o que funcionou e o que você aprendeu. Em seguida, jogue algumas dicas e truques que você usou para fazer seu trabalho.

Ideias para postagens:

  • Um guia passo a passo
  • Como NÃO fazer algo

2 .Entrevistas e Perfis

As entrevistas podem ser uma maneira eficaz de chamar a atenção do seu leitor e aumentar a autoridade. Eles também são uma ótima maneira de construir relacionamentos com líderes o seu nicho e influenciadores.

Ao escrever essa publicação, certifique-se de tornar a entrevista inovadora, atraente e relevante para o seu leitor. E, claro, não se esqueça de entrar em contato com a pessoa que você entrevistou assim que a postagem estiver no ar e pedir para compartilhar com o público dela.

Ideias para entrevistas:

  • Entrevista com especialistas do nicho.
  • Entrevista com outros blogueiros e influenciadores da área.
  • Entrevistar fornecedores que possam compartilhar informações valiosas em seu produto ou fornecer dicas sobre como usá-lo.
  • Entreviste pessoas comuns que dominaram uma habilidade valiosa relacionada ao seu nicho.
  • Entreviste seus leitores ou clientes e destaque os problemas e os sucessos que eles estão tendo.
  1. Listas

As listas são uma ótima maneira de apresentar informações de maneira leve e fácil de entender. Você pode criar listas com marcadores, listas numeradas, etc.

Uma das melhores coisas sobre esses tipos de publicações é que  geralmente elas são sempre atuais e muito compartilháveis.

Se você decidir fazer uma lista numerada, não se esqueça de usar o número no título – esses tipos de títulos sempre funcionam bem.

Ideias para postagens da lista:

  • Uma lista de 100 tópicos de blog.
  • Uma lista dos seus livros favoritos relacionados a seu nicho.
  • Uma lista de verificação passo-a-passo das tarefas diárias relacionadas à sua área.
  • Uma lista de coisas que você aprendeu em um evento ou curso.
  • Uma lista de coisas a fazer para melhorar uma habilidade profissional
  • Uma lista de perguntas que seus leitores e clientes fazem com maior frequência (com suas respostas).

 

  1. Opiniões, Tendências e Previsões

Os leitores e assinantes do seu blog leem seu blog por um motivo.

Se você é uma autoridade aos seus olhos, eles vão querer saber sua opinião sobre tópicos e notícias relacionadas a nichos. Isso significa que você pode compartilhar abertamente o seu ponto de vista e fazer suas próprias previsões sobre as tendências da indústria.

Mas certifique-se de fazer backup de suas reivindicações com pesquisas reais, pesquisas e estatísticas que você encontrou. Isso mostrará mais prova e autoridade.

Você pode compartilhar sua tomada de notícias, tendências da sua área de atuação, opinião popular ou postagens de blog de outra pessoa.

Ideias para posts de opinião:

  • Fale sobre o que o do seu nicho e as tendências.
  • Faça o link para outra postagem no blog e ofereça sua opinião sobre o assunto.
  • Compartilhe sua opinião sobre a recente notícia da indústria.
  • Faça uma pergunta, comentário ou cenário que desencadeie um debate.

 

  1. Postagem Recapitulada

Se você está participando de um evento interessante relacionado à indústria, deixe seus leitores se beneficiarem também.

Anote notas e use-as para escrever uma publicação de recapitulação onde você compartilha tudo o que aprendeu com seus leitores.

Deixe que eles se tornem parte do evento com você e eles vão amar.

Ideias para recapitular artigos:

  • Recapitular uma conferência.
  • Recapitular um treinamento ou seminário.
  • Recapitular um webinar que você participou.
  • Recapitular o que aprendeu de um treinador pessoal ou mentor.
  • Recapitular sua pesquisa pessoal sobre um assunto relacionado a um nicho.

 

  1. Reviews

Os reviews são uma ótima maneira de compartilhar sua opinião sobre algo que você testou.

Pode ser algo que você comprou, leu, observou ou participou. Os seus leitores valorizam sua opinião e eles apreciarão sua revisão, seja boa ou ruim.

Então, discuta os benefícios positivos e negativos. Se você estiver comparando várias opções, compartilhe as diferenças entre elas.

Se você está dando uma revisão positiva, esta é uma ótima chance de obter um link de afiliado e possivelmente ganhar algumas recompensas monetárias.

Ideias para revisões:

  • Livros e filmes relacionados à sua área de atuação.
  • Análise de ferramentas ou recursos.
  • Revisões de software.
  • Revisão de produtos.
  • Revise o post-tutorial / tutorial de outra pessoa – e melhore-o.

 

  1. Melhor da Web

Valor, valor, muito valor – é o que você pode dar aos seus usuários com uma publicação “melhor da web”. Essas postagens oferecem muita informação, recursos e links – tudo condensado em uma publicação.

Claro, eles podem exigir algum tempo e pesquisar para juntar, mas muitas vezes são rápidos e fáceis de escrever.

A melhor das postagens na web facilita a criação de relacionamentos com os proprietários de conteúdo das postagens / sites aos quais você está vinculando.

Eles também são uma maneira fantástica de dar mais acesso e tração a sua postagem.

Acesse as páginas que você fala e a maioria vai pular na oportunidade de compartilhar sua postagem.

Ideias para o melhor dos posts da web

  • As melhores postagens de blog relacionadas à sua área.
  • Especialistas na indústria, autores, professores, blogueiros que o inspiram.
  • As ferramentas / aplicativos / recursos que você não pode viver sem.
  • Quem seguir nas mídias sociais e por que.
  • Links para postagens de blog sobre um tópico específico.
  • Melhores tutoriais sobre um tópico sobre o qual seus leitores se preocupam.

 

E vocês, quais as técnicas você usa para escrever? Semana que vem tem outro artigo sobre o assunto, afinal, o conteúdo é rei!